Pão de queijo é iguaria que teria chegado ao Brasil por volta de 1860

Inicio » Agronegócio » Pão de queijo é iguaria que teria chegado ao Brasil por volta de 1860
12/10/2020 Por
Pão de queijo é iguaria que teria chegado ao Brasil por volta de 1860

Um dos símbolos de nossa culinária, o pão de queijo reforça o elo entre agronegócio e gastronomia. O pão de queijo é um quitute que tem origens mineiras, mas desde o século XVII vem se tornando uma referência da nossa culinária. Aliás, seu sabor e aroma acabaram cruzando fronteiras e oceanos, ganhando novos mercados do mundo.

Por outro lado, para o pão de queijo atingir diversos países e atender à demanda de quem ama provar o quitute em quitandas, cafés e até bistrôs, muito trabalho foi feito. Isso porque os ingredientes para o preparo de suas receitas requerem uma produção agrícola forte. Confira a seguir por que o Brasil faz história na cozinha e também no campo.

Pão de queijo

O que é pão de queijo?

Pão de queijo é um dos nossos maiores patrimônios culinários nacionais. Afinal, esse pãozinho todo diferente e com gosto de queijo tem aroma e sabor únicos, conquistando consumidores de norte a sul do Brasil e até do mundo.

Para tanto, ele marca presença desde um café da manhã até o lanche da tarde. Sem contar que você pode aproveitar o seu bem quentinho, adicionando produtos como requeijão ou manteiga. De qualquer forma, ainda há quem crie versões com inovações diferentes, como as recheadas e até as doces.

Enfim, antes de conhecer sua origem, confira abaixo os ingredientes presentes nas receitas mais tradicionais de pão de queijo:

  • Queijo;
  • Ovos;
  • Polvilho;
  • Óleo;
  • Leite;
  • Sal.

Além do mais, o alimento também apresenta uma série de nutrientes que ajudam nosso organismo a obter energia e a fortalecer nosso organismo. Entre eles, podemos destacar:

  • Carboidratos;
  • Sais minerais;
  • Lipídios;
  • Proteína;
  • Vitaminas;
  • Água.

Em relação à história do pão de queijo, sua origem é incerta. Entretanto, alguns relatos datados do século XVIII dizem que ele fora feito inicialmente em fazendas e grandes propriedades mineiras. Primeiro, porque na época o consumo de pão era escasso, pois o Brasil não produzia trigo e sua farinha era difícil de ser encontrada.

Assim, antes de pensar em uma importação e esperar muito tempo, a saída criativa foi investir no polvilho, já que era um ingrediente mais comum. Nessa época houve excedentes de estoques de queijo. Por isso, para evitar desperdício, ele foi adicionado à receita do tradicional pãozinho.

Pão de queijo

Como fazer pão de queijo?

Agora é hora de você fazer história na sua cozinha! Afinal, para aprender como fazer pão de queijo tradicional, você só precisa acompanhar nossos passos abaixo.

Primeiro, anote os ingredientes:

  • Oito ovos;
  • Duzentos ml de leite;
  • Um quilo de polvilho doce;
  • Duzentos ml de óleo de soja;
  • Quatrocentos gramas de queijo ralado.

A partir de então, você precisa de algumas etapas simples a seguir para acertar no preparo do seu pão de queijo tradicional. Confira o passo a passo:

  1. Primeiro, em uma panela, coloque o óleo e o leite;
  2. Leve ao fogo;
  3. Aqueça até ferver;
  4. Adicione o polvilho em uma tigela;
  5. Despeje o conteúdo aquecido sobre ele;
  6. Depois, misture muito bem;
  7. Quando a mistura esfriar, adicione um ovo;
  8. A seguir, misture bem a massa com as mãos;
  9. Repita esse passo, ovo a ovo;
  10. Então, adicione o queijo ralado;
  11. Continue misturando até ficar homogêneo;
  12. A seguir, enrole cada pão de queijo como preferir;
  13. Enfim, coloque-os para assar.

Mercado de queijos no Brasil

Nos dias de hoje, o queijo é um dos alimentos mais consumidos pelos brasileiros. Seja um queijo artesanal ou um queijo industrial, em qualquer região brasileira, lá está ele fazendo parte de diversas receitas.

Sem contar que Minas Gerais aparece com destaque mais uma vez neste artigo sobre o pão de queijo, pois é um dos maiores produtores de queijo do Brasil. Segundo dados de especialistas, tanto o consumo quanto a produção de queijos no estado ainda têm aumentado significativamente.

Isso porque o ritmo está na casa dos quase dez por cento, apenas em cinco anos. Além do mais, existe a presença da quantidade e da variedade nos preços e tipos do produto disponíveis no mercado interno. Sem falar que o mercado fortalece a nossa economia com um aumento na renda dos trabalhadores brasileiros e impulsiona o segmento da produção de laticínios como um todo.

Segundo pesquisas, o consumo interno pode passar de sete quilos de queijo por pessoa em menos de cinco anos. De qualquer forma, hoje os números estão em uma média de consumo de cinco quilos em quase todas as regiões brasileiras.

Sendo assim, podemos dizer que o brasileiro ama queijo e ainda tem contato diário com diversos tipos de queijo. Afinal, ele é alimento tradicional em refeições como café da manhã, lanches e diversos outros pratos e petiscos. Ou seja, até mesmo os derivados do queijo, como o nosso astro pão de queijo, são um sucesso em casa, no mercadinho da esquina e até nas importações.

O mercado nacional de queijos chegou a movimentar quase vinte bilhões de reais apenas em 2015. Como resultado, empresas fora do país foram atraídas para ver que a produção de queijos traz inúmeros negócios e mais crescimento para o país.

Pão de queijo

A exportação do pão de queijo

Com você já pode notar, essa simples receita de pão de queijo foi conquistando o mundo e incorporando novos métodos. Até porque, nos dias de hoje, ele é um produto exportado para cerca de sessenta países como Itália, Japão, Portugal e Estados Unidos.

Até mesmo países como Paraguai, Argentina e Colômbia já tentaram recriar receitas, mas com aspecto e formatos diferentes. Praticamente impossível, pois nosso pão de queijo é o resultado de uma modificação feita e readequada pela própria história.

Com essa forma de globalização alimentar, esse querido dos brasileiros garante uma presença positiva na balança comercial. Não apenas pela produtividade industrial ou caseira, mas também pelo vários insumos adicionados à receita. Como exemplo temos o leite, o óleo e o ovo.

Enfim, hoje você pode encontrar o quitute em diversos formatos, com massas prontas, lojas especializadas e até embalagens prontas para assar. O que vale é a sensação de originalidade e brasilidade ao provar um delicioso pão de queijo. Se for em um fogão à lenha e acompanhado de um bom café, melhor ainda!

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo