Pão sem glúten é boa opção para pessoas portadoras de doença celíaca

Inicio » Agronegócio » Pão sem glúten é boa opção para pessoas portadoras de doença celíaca
12/10/2020 Por
Pão sem glúten é boa opção para pessoas portadoras de doença celíaca

Estima-se que 1% da população mundial precise recorrer a alimentos como o pão sem glúten por portar doença celíaca. O pão sem glúten é uma das possibilidades de alimento para as pessoas portadoras de doença celíaca ou que sofra alguma intolerância a essa proteína. Uma pessoa diagnosticada com doença celíaca deve cortar totalmente o glúten de sua alimentação e por toda a sua vida, pois, do contrário, estará sujeita a desconfortos que podem agravar o seu quadro de saúde.

Calcula-se que no Brasil existam 2 milhões de pessoas que sofram dos males dessa enfermidade, no entanto, a maioria delas ainda não sabe que tem essa doença. Como o glúten está presente na maioria dos alimentos, inclusive os comercializados nos supermercados, certamente a solução para as pessoas sensíveis à proteína é recorrer a receitas como pão sem glúten para fazer o seu próprio alimento.

pão sem glúten

O que é pão sem glúten?

Pão sem glúten é um pão feito sem ingredientes que contenham a proteína chamada glúten, presente na farinha de trigo, amido, centeio, cevada, malte e triticale.

O pão tradicional encontrado em padaria e mercados utiliza-se de farinha de trigo para ser produzido, logo, com certeza, contém essa proteína que, para pessoas portadoras de doença celíaca, provoca mal-estar e pode ocasionar deformidades no intestino e até câncer na região.

A receita do pão sem glúten substitui principalmente o uso da farinha e cereais para o desenvolvimento do pão por outros ingredientes que não contenham glúten.

Pode parecer, no entanto, uma perda considerável em termos gastronômicos abrir mão do bom e velho pãozinho francês, atentando-se que essa doença pode surgir durante a infância ou mesmo depois de adulto, mas tal necessidade, se gera transtornos por um lado, gera, sem dúvida, boas e novas descobertas pelo outro.

A necessidade da busca por ingredientes que fogem dos tradicionais usados na produção do pão caseiro corriqueiro nos lares brasileiros proporciona, com certeza, combinações interessantes como pão a base de soja, pão de mandioquinha, pão de polvilho, entre outras opções.

Ainda neste artigo, apresentaremos algumas receitas de pão sem glúten que são interessantes até mesmo para quem não sofre de intolerância à proteína citada.

O que é celíase?

Celíase é uma doença classificada como autoimune causada pela intolerância ao glúten.

Uma doença autoimune é a condição em que o sistema nervoso deixa de reconhecer substâncias, células, como benéficas ao corpo, e passa a produzir anticorpos para atacá-las, inutilizá-las, mesmo estas substâncias continuando a não representar uma ameaça real ao organismo.

É como um sistema de segurança que tem registrado nos seus arquivos todas as pessoas autorizadas a transitar sobre determinada região e, de repente, sem uma causa aparente, deixa de reconhecer uma das pessoas registradas como parte do grupo autorizado a ter livre trânsito e passa a atacá-la.

É o que ocorre com o glúten em organismos com distúrbios no sistema imunológico, principalmente nos casos em que o indivíduo só apresenta esse transtorno na fase adulta.

O glúten, que antes era ingerido por meio de alimentos como o pão e transitava livremente pelo organismo, passa a ser alvo pelo sistema de defesa do corpo, provocando, pois, reações que afetam consideravelmente a qualidade de vida das pessoas.

pão sem glúten

Os principais sintomas da doença celíaca:

  • Dor abdominal;
  • Flatulência;
  • Diarreia;
  • Vômitos;
  • Emagrecimento e falta de apetite;
  • Irritabilidade;
  • Depressão.

A doença celíaca, se não for diagnosticada e receber o tratamento adequado para evitar tais sintomas, com o passar do tempo pode causar, sem dúvida, atrofia da mucosa do intestino. Essa deformidade provoca a má absorção de nutrientes importantes para o corpo.

Intolerância a glúten versus doença celíaca

A doença celíaca pode ser confundida com os casos de pessoas que têm intolerância ao glúten. Apesar de esse sintoma ser presente no transtorno mais grave, se surgir como um sintoma isolado, a sua classificação passa a ser de apenas intolerância.

A diferença entre um e outro é que, no caso da intolerância, os sintomas vão causar desconfortos gastrointestinais, mas não evoluirão para quadros clínicos mais graves. Entretanto, no caso da doença celíaca, o não tratamento pode danificar de maneira permanente o intestino delgado.

O que é glúten?

Glúten é uma proteína encontrada em cereais e farinhas como a farinha de trigo. É composta por duas proteínas menores, chamadas gliadina e gluteína.

O glúten é responsável, no processo de fermentação do pão, pela permanência dos gases no interior da massa.

Portanto, é uma das causas que explicam o formato que conhecemos do pão tradicional, porque esse acúmulo de gases provoca o aumento da massa de forma a não diminuir volume após o esfriamento.

Tipos de pão sem glúten

Abaixo, há uma lista dos tipos de pão sem glúten mais comuns. Na sequência, algumas receitas rápidas e práticas que não utilizam glúten para a produção de pão caseiro:

  • Pão de inhame;
  • Pão com linhaça;
  • Com semente de abóbora;
  • Pão de polvilho;
  • Pão de ló;
  • Com gergelim;
  • Pão de mandioquinha;
  • Pão de soja.

pão sem glúten

Como fazer pão sem glúten?

Será muito difícil fazer pão sem glúten? Se já fez pão caseiro, com certeza perceberá que não é uma receita complicada, pois basta substituir alguns ingredientes, sendo que o modo de preparo é parecido.

Veja a seguir como fazer pão sem glúten.

Receita de pão sem glúten

Essa primeira receita de pão sem glúten é com pão de soja.

Assim, você precisará de:

  • Três (03) ovos;
  • Um (01) copo de farinha de arroz;
  • Meio (1/2) copo de polvilho doce;
  • Meio (1/2) copo de água;
  • Uma (01) colher de sopa de açúcar cristal medida rasa;
  • Uma (01) colher de sopa de fermento em pó;
  • Meio (1/2) copo de óleo de soja;
  • Uma (01) colher de chá de sal.

O modo de preparo com esses ingredientes é o seguinte:

  1. Coloque o forno em temperatura média. Prepare, enquanto isso, uma forma, de preferência de silicone, e unte-a com margarina. Também deve ser untada com farinha de arroz;
  2. Na batedeira, bata os ingredientes líquidos;
  3. Adicione, quando incorporar, os ingredientes secos;
  4. Bata tudo de uma vez;
  5. Ponha o fermento em pó por último, mas misturando com uma colher;
  6. Coloque em uma assadeira essa mistura e deixe no forno por 35 minutos.

Pão de ló sem glúten

A receita a seguir é de pão de ló sem glúten. Os ingredientes que não podem faltar estão listados em seguida:

  • Três (03) colheres de sopa de farinha de arroz;
  • Seis (06) ovos;
  • Seis (06) colheres de sopa de açúcar;
  • Uma (01) colher de chá de fermento em pó;
  • Três (03) colheres de sopa de fécula de batata.

O modo de preparo dessa receita de pão de ló sem glúten é simples:

  1. Bata as claras das gemas em ponto de neve;
  2. Deixe reservado;
  3. Bata as gemas e o açúcar na batedeira até que a mistura obtenha um creme amarelo;
  4. Adicione na mistura a fécula de batata e a farinha, mas aos poucos, até que a substância vire um creme homogêneo;
  5. Sove a massa em uma superfície com farinha;
  6. Misture a clara de neve mais o fermento em pó;
  7. Despeje a mistura na assadeira untada e deixe assando por vinte minutos (20) no forno ou até o pão sem glúten ficar dourado.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo