Peixe de couro é nome dado a vários peixes teleósteos

Inicio » Agronegócio » Peixe de couro é nome dado a vários peixes teleósteos
11/11/2020 Por
Peixe de couro é nome dado a vários peixes teleósteos

Peixe de couro não é indicado para culinária. É sabido que o Brasil tem uma imensa diversidade em relação aos seus animais. Tal diversidade também se estende aos peixes, assim como o peixe de couro. Essa espécie é muito conhecida por pescadores e possui características muito interessantes.

O peixe de couro sempre foi visto com muita curiosidade por todos. Além de ter instintos de defesa diferenciados, também possui hábitos e alimentação que podem variar de um para o outro. Para entender melhor, confira o artigo a seguir!

Peixe de couro

O que é peixe de couro?

Peixe de couro é uma denominação utilizada com peixes que não possuem escamas. Para entender melhor o que é peixe de couro, são todos os peixes que são revestimentos por espécies de placas, ou também conhecidos como peixes teleósteos e suliformes.

Além disso, o peixe de couro é conhecido também fora do Brasil, já que em religiões como o Islã, o Judaísmo e o Adventismo, o consumo da sua carne é proibido, pois é considerado um animal impuro.

No entanto, ainda assim muitos pescadores possuem grande apreço por pescar o peixe de couro. Afinal, esse tipo de peixe desperta grande curiosidade em muitas pessoas que desejam saboreá-lo ou simplesmente ver como são.

Em geral, o animal é mais comumente visto no inverno, época em que é pescado com um nível muito maior de frequência.

Peixe de couro faz mal?

Em relação à alimentação, muitas pessoas ignoram o aviso de que o peixe de couro faz mal e acabam o utilizando para receitas da mesma forma. No entanto, diz-se que o seu consumo deve ser evitado, já que pode aumentar o aparecimento de feriadas e ulcerações.

Além disso, o consumo do peixe de couro pode ser arriscado para quem possui algum tipo de inflamação no corpo, como a respiratória, já que ele pode ser um agravador quase que imediato desse problema.

O motivo disso tudo é que, por conta da ausência de escamas, o peixe teleósteo agrega uma quantidade muito maior de substâncias nocivas para a saúde humana. Justamente por isso, o consumo mais indicado é realmente dos peixes com escama.

Ainda assim, existem algumas ilhas e cidades em que o ensopado de peixe couro é muito comum. Porém, o preparo é feito de forma minuciosa e muito detalhada, a fim de garantir que não haja nenhum problema para quem consumirá o alimento.

Peixe de couro

Peixe de couro de água doce

O peixe de couro de água doce, como o próprio nome sugere, consegue sobreviver muito melhor nas águas doces. No entanto, algumas espécies de peixe teleósteo são muito conhecidas e ainda assim muitos indivíduos não sabem que se trata e um peixe teleósteo. São elas:

  • Pintado;
  • Bagre ou peixe gato.

Esses são alguns dos nomes de peixes de couro de água doce. O pintado é um dos mais conhecidos peixes de couro de grande porte. Medindo até 1 metro de comprimento, possui as famosas nadadeiras com espinhos e o seu manuseio é arriscado.

Em relação ao bagre, conhecido também como peixe gato por conta dos barbilhões que possui, é um peixe que vive em água doce. Entretanto, é comum encontrar alguns tipos de peixe bagre que preferem residir na água salgada.

Além disso, o bagre é um peixe teleósteo que possui uma armadura muito semelhante a uma lâmina de ossos. Além disso, os seus ferrões são envenenados e extremamente prejudiciais quando machucam alguém.

Peixe de couro do mar

Entre as espécies de peixe de couro do mar, destacam-se:

  • Viola;
  • Peixe serra;
  • Bonito.

O peixe viola é caracterizado como um peixe teleósteo e pode habitar águas doces ou não. Mesmo que seja extremamente comum e saboroso consumir o filé do peixe viola, é preciso ter muito cuidado com seus espinhos moles e quase transparentes.

Em seguida, o peixe serra também se destaca como um peixe de couro e é conhecido por possuir uma espécie de bico alongado e cheio de serras. A caça dessa espécie é proibida e evitada ao máximo, já que se encontra ameaçada de extinção.

Em contrapartida, o peixe bonito segue o tipo de peixe couro, mas é muito semelhante a um peixe comum. Entretanto, possui também o mesmo sistema de defesa que outros peixes couro, que são as pontas cortantes próximo à cauda.

Peixe de couro

Pesca de peixe de couro

A frequência da pesca do peixe teleósteo depende muito da espécie. No caso do bonito, por exemplo, a pesca é altamente popular e frequente, ainda mais por conta desse peixe possuir um temperamento lutador e se mostrar desafiador para os pescadores.

O peixe serra também é muito pescado na caça esportiva por conta da sua aparência muito diferente do comum, já que possui o famoso bico em forma de serrote. Entretanto, espécies como o peixe abotoado acabam não sendo procurados com tanta frequência.

O motivo é que, mesmo que todos façam parte do tipo de peixe caracterizado como peixe teleósteo, possuem demandas diferentes. Algumas espécies são muito procuradas para consumo, mesmo que isso não seja adequado, e outras são procuradas pelo simples de fato de serem difíceis de localizar e, dessa forma, acabam servindo como um troféu para o pescador.

Peixe teleósteo e a demanda de mercado

Mesmo que possua características físicas bem diferentes de outras espécies, todos aqueles que são caracterizados como peixe teleósteo acabam tendo uma demanda menor de mercado. O motivo, novamente, é o fato de não serem adequados para consumo, mesmo que algumas espécies sirvam como excelente culinária.

Com isso, o peixe couro é visto mais como um peixe para ser pescado de forma esportiva, do que de forma profissional e culinária. Ainda assim, o peixe teleósteo precisa de muito cuidado ao ser pescado. O motivo é que esses tipos de peixe de couro possuem defesas físicas.

Caso um pescador inexperiente resolva manuseá-los da forma inadequada, há grandes probabilidades de ser infectado com as afiadas pontas que possuem distribuídas pelo porto. Alguns, assim como o bagre, podem envenenar a pessoa.

De qualquer forma, algumas espécies caracterizadas como peixe de couro são muito procuradas para serem criadas em aquário no lugar dos peixes ornamentais.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo