Refinaria de petróleo transforma óleo cru em derivados de valor comercial

Inicio » Agronegócio » Refinaria de petróleo transforma óleo cru em derivados de valor comercial
15/01/2021 Por
Refinaria de petróleo transforma óleo cru em derivados de valor comercial

Formado por uma mistura de compostos orgânicos, chamados de hidrocarbonetos, o petróleo cru precisa passar por uma série de processos até se transformar em combustível ou outros produtos com valor comercial. Isso é feito em uma refinaria de petróleo.

Tanto quanto a exploração do petróleo, a capacidade de transformá-lo em seus diferentes derivados é primordial. E é justamente por isso que possuir uma refinaria de petróleo é estratégico. Isso faz com que países ou empresas se destaquem como verdadeiros produtores.

Refinaria de petróleo

O que é refinaria de petróleo?

Refinaria de petróleo é o local onde o óleo bruto que é extraído dos campos e poços de petróleo é transformado em seus mais diversos subprodutos. Dentre os exemplos temos diesel, gasolina, nafta, querosene para aviação, gás liquefeito de petróleo (GLP) e óleos lubrificantes.

O Brasil possui atualmente 13 refinarias de petróleo que pertencem à Petrobras. Elas estão localizadas por todo o país, e o óleo bruto extraído em alto mar chega até elas através de oleodutos.

A mais recente refinaria da empresa que entrou em operação no Brasil é a de Abreu e Lima, em Pernambuco. Ela foi construída mais de três décadas desde que a última fora inaugurada no país. A refinaria tem um sistema moderno e é capaz de processar 230 mil barris de petróleo por dia.

Além das 13 refinarias da Petrobras, outras quatro de petrolíferas estrangeiras operam em solo nacional. Suas capacidades de produção, no entanto, são pequenas.

Como funciona uma refinaria de petróleo?

Como dito anteriormente, a refinaria tem por função decompor o petróleo cru em seus diferentes derivados. Para isso, o óleo passa por três processos.

O primeiro deles é a destilação, quando o petróleo é aquecido a altas temperaturas e depois resfriado em diversos níveis. Isso é feito dentro de uma torre de destilação.

O segundo processo é o da conversão, que transforma partes mais pesadas do petróleo em moléculas menores. Isso aumenta a variedade de subprodutos extraídos e permite uma maior variedade de derivados.

O terceiro e último processo é o de tratamento. Ele serve para garantir que todos os produtos saiam dentro dos padrões exigidos.

Quanto custa para construir uma refinaria de petróleo?

O custo é bastante alto, especialmente no Brasil. Inaugurada em 2014, a refinaria Abreu e Lima tinha previsão inicial de custo de US$ 4,1 bilhões, mas o preço saltou três vezes e meia. Assim, foram necessários investimentos de mais de US$ 13 bilhões até que ela fosse colocada em operação.

Não é possível, contudo, estabelecer um valor médio para a construção de uma refinaria de petróleo. Afinal, cada uma delas possui características específicas – para além, é claro, das básicas a todas.

A localização e a capacidade diária de produção, bem como o tipo de petróleo que será destilado, impactam no preço.

Assim, muitas petrolíferas preferem investir na ampliação ou modernização de refinarias já existentes do que construir uma nova.

Refinaria de petróleo

O que é pré-sal?

O pré-sal é uma área submersa com grandes reservas de petróleo que fica abaixo de uma espessa camada de sal. A camada tem mais de dois mil metros de espessura.

Do ponto de vista geológico, são considerados pré-sal os sedimentos que se acumularam antes do depósito das camadas de sal.

No Brasil, os campos do pré-sal foram descobertos em 2007. A área total se estende do litoral do Espírito Santo até Santa Catarina, em um total com aproximadamente 149 mil km².

A importância comercial do petróleo

Apesar do investimento cada vez maior – e mais necessário – em energias renováveis, o setor do petróleo é ainda hoje um dos mais relevantes do mercado e da indústria mundial. A importância vem basicamente em duas frentes.

Uma delas é financeira, por se tratar de uma fonte segura de geração de receitas aos países produtores. No caso do Brasil, rende também muita arrecadação para estados e municípios com o recolhimento de impostos.

A outra importância, claro, é prática, uma vez que serve para alimentar algumas das principais matrizes energéticas.

Um estudo apresentado pelo Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás (IBP) apontou que, no país, o setor ocupa o terceiro lugar entre as principais atividades econômicas. O setor é o quarto se considerarmos as exportações.

Preço do petróleo

O preço do petróleo é calculado em barris e a moeda utilizada é o dólar. O valor muda diariamente e é definido pela movimentação no mercado internacional. É a velha lei da oferta e da procura.

Há outros fatores, contudo, que afetam o preço. Quinze países entre os maiores produtores de petróleo do mundo, por exemplo, formam a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), e muitas vezes agem para mudar o preço do barril de maneira artificial.

Crises internas em países produtores e consumidores também têm potencial para afetar o preço do petróleo, que pode variar muito de um dia para o outro.

No início de 2020, por exemplo, o barril era comercializado a cerca de US$ 60 dólares, mas o valor caiu para menos da metade três meses depois.

Refinaria de petróleo

Exploração de petróleo no Brasil

Por mais de quatro décadas, a partir de 1953, o monopólio de exploração e refino de petróleo no país pertenceu a Petrobras. A chamada Lei do Petróleo, contudo, que entrou em vigor em 1997, alterou isso.

A maior parte do petróleo extraído no Brasil vem de campos localizados em alto mar. A exploração de petróleo nesses locais é feita através de plataformas.

Considerando todas as 17 refinarias que operam no Brasil, o país tem atualmente capacidade de produção de petróleo de 2,4 milhões de barris por dia.

Etapas de refino do petróleo

Como já dito anteriormente, uma refinaria de petróleo opera basicamente através de três processos: destilação, conversão e tratamento.

Para a destilação, o óleo cru que chega às refinarias é aquecido em uma torre a 370 °C, até que vire parcialmente vapor. Esse vapor é resfriado em diferentes níveis, que vão gerar os diferentes produtos como, por exemplo, o óleo diesel ou a querosene de aviação.

A conversão altera o tamanho das moléculas do petróleo bruto que foi destilado e permite, assim, a criação de produtos específicos. Dessa forma, o aproveitamento do petróleo é feito ao máximo.

O tratamento, última etapa do processo na refinaria de petróleo, serve para adequar os produtos às exigências e normas do mercado consumidor. Uma delas, por exemplo, é a eliminação de resíduos de enxofre.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo