Rufião é um macho estéril que ajuda a identificar fêmeas no cio

Inicio » Pecuária » Rufião é um macho estéril que ajuda a identificar fêmeas no cio
09/08/2020 Por
Rufião é um macho estéril que ajuda a identificar fêmeas no cio

Rufião é macho benéfico para o rebanho

O rufião é usado para detectar e identificar fêmeas no cio (estro) em programas de IA ou inseminação artificial. Afinal, o rufião é um estimulador do estro, bem como da ovulação das respectivas fêmeas no cio.

De fato, a ausência de um rufião na detecção e identificação do cio (estro) nas fêmeas pode induzir à falha ou impedir que sejam colhidos resultados satisfatórios no desenvolvimento de programas de inseminação artificial, assim como nos programas de montas controladas.

Rufião

O que é rufião?

Rufião é como costuma ser chamado o animal que apresenta comportamento de um macho, mas que, em contrapartida, não possui as condições para fecundar uma fêmea. Isto é, rufião é o nome usado para machos que são, por definição, estéreis.

Uma das técnicas utilizadas para facilitar a identificação e detectar o cio é a inserção de um acessório em volta do pescoço do rufião. Esse acessório em questão é chamado de “bucal” e caracterizado pela presença de uma tinta.

A tinta, por sua vez, é voltada a marcar o lombo das fêmeas com as quais o rufião tenta montar e acasalar. Desse modo, o rufião, com o auxílio facilitador do acessório, sinalizará as fêmeas que estão no cio, por conseguinte, se deixarem ser montadas.

Significado de rufião

O significado de rufião, na linguagem da agropecuária, diz respeito aos touros estéreis que atiçam as vacas para detectar o cio. Assim, é possível identificá-las e implantar programas de inseminação artificial.

Rufião

Benefícios dos rufiões

Sem dúvida, existem benefícios dos rufiões na criação de gado. Em suma, são dois os tipos de rufiões: os machos que passaram por procedimento cirúrgico e as fêmeas que foram androgenizadas.

Independente de qual for o gênero de rufiões, a presença de um animal desse feitio em uma criação é benéfica tanto para rebanhos grandes quanto para rebanhos menores.

Os rufiões não apenas auxiliam na identificação das fêmeas que estão no estro. De fato, é comprovado que os rufiões estimulam a extensão do cio das vacas por mais tempo, além de sincronizar o cio com a ovulação.

Por exemplo, alguns dos benefícios da presença de rufiões em rebanhos são:

  • Acelerar o tempo das novilhas alcançarem puberdade;
  • Diminuir o anestro das vacas após o parto;
  • Aumentar o período em que o cio se estende;
  • Induzir sinais mais evidentes de estro nas fêmeas;
  • Sincronizar de modo mais preciso a ovulação com o cio das vacas.

Rufião

Rufião bovino

O rufião bovino é aquele animal no qual foi realizado um procedimento cirúrgico de modo a incapacitá-lo, ou seja, torná-lo estéril. Assim, os rufiões, por via de regra, não possuem a capacidade de reproduzir com o resto do rebanho de fêmeas.

Em contrapartida, os rufiões bovinos são capazes de atuar impedindo a fecundação. Além disso, são altamente voltados para identificar as vacas que estão em período de cio, para a realização das técnicas de reprodução assistida. Entre elas, está a inseminação artificial, de fato, muito mais rentável para os proprietários de rebanhos.

Essa técnica com rufião traz mais vantagens como, por exemplo, impedir que enfermidades sejam transmitidas pelo contato, selecionando o melhor animal para a cruza.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo