Tempeh, de origem indonésia, é alimento famoso entre vegetarianos

Inicio » Agronegócio » Tempeh, de origem indonésia, é alimento famoso entre vegetarianos
16/11/2020 Por
Tempeh, de origem indonésia, é alimento famoso entre vegetarianos

Fonte de proteínas vegetais, tempeh é feito de soja e um dos alimentos mais essenciais nas dietas das pessoas orientais.

Além disso, o tempeh é uma opção de alimento rico de proteínas e é uma excelente alternativa para quem não quer ingerir proteína animal.

Tempeh

O que é tempeh?

Tempeh é um alimento feito com soja, bem como tem a versão feita com broto de feijão. E para saber como fazer tempeh, o processo começa quando o grão é amolecido na água. Depois, ele é cozido e fermentado.

O processo de fermentação desse alimento ocorre por conta do fungo Thizopus oligosporus que é acrescentado nos brotos de soja. Depois de acrescentado isso, o processo de fermentação acontece por 24 a 36 horas, em uma temperatura de 30 °C.

O resultado desse processo é uma barra que quando se corta é possível visualizar os grãos.

Ademais, também é possível fazer tempeh com outros tipos de grãos, como leguminosas, cereais e até legumes.

Dessa forma, agora que você já sabe o que é tempeh, pode passar a utilizar esse alimento em algumas receitas e experimentar um novo sabor em seus pratos.

Receitas com tempeh

O tempeh é um alimento muito versátil, pois pode ser adicionado em uma série de receitas.

Uma das formas de consumir é cortar em fatias, tiras ou cubos, a depender do seu critério, e depois fritar até que ele fique dourado e crocante.

Ademais, ele pode ser utilizado ralado e até mesmo utilizado em sopas, em saladas, em substituição ao queijo, em sanduíches e muito mais.

Outrossim, esse alimento pode ser preparado tanto no vapor, frito ou cozido.

Além disso, ele pode ser congelado, tanto o feito em casa quanto o comprado em supermercados.

Por isso, é muito prático e para utilizar basta tirar do congelador e descongelar.

No Brasil, o tempeh é muito chamado de carne de soja, então se você está com dificuldade de localizar e tentando saber onde encontrar tempeh, talvez seja mais fácil encontrar o alimento por esse nome nos supermercados.

E por ser chamado de carne de soja e ter todas as características já mencionadas, os vegetarianos e veganos são os principais consumidores desse alimento.

Tempeh

Características do tempeh

O processo de fermentação pela qual o tempeh passa faz com que ele adquira uma série de enzimas e faz com que os carboidratos presentes no alimento sejam digeridos pelo organismo com maior facilidade.

Isso acontece porque quando ele fermenta enquanto está sendo produzido, os oligossacarídeos são retirados. E são eles que são responsáveis pela má digestão e produção de gases que os alimentos desse tipo causam no organismo.

O mesmo processo normalmente é recomendado para o consumo de grão de bico, por exemplo. Se você deixar o grão de bico de um dia para o outro de molho na água, ele também vai ser digerido melhor pelo organismo. E o motivo é o mesmo do tempeh.

Além disso, esse alimento conta com um valor nutritivo bem alto, o que é muito diferente de alguns outros alimentos que também são fabricados a partir da soja, como o tofu.

O tempeh tem um alto teor de fibras, o que atua como uma forma de limpar o sistema digestivo, o que é essencial para prevenir uma série de doenças crônicas.

Esse alimento é muito indicado para pessoas com quadro de diabetes, pois elas muitas vezes podem apresentar algum tipo de dificuldade de digerir proteínas de origem animal.

Assim, com o consumo desse alimento, o organismo da pessoa que tem diabetes consegue digerir melhor e pode ocasionar melhor controle do nível de açúcar no sangue.

A fermentação do tempeh também é responsável por garantir outra enzima ao alimento, e ela é responsável por quebras os fitatos da soja. Com isso, o conteúdo ácido fítico é reduzido, o que faz com que o organismo possa absorver melhor minerais como ferro, cálcio, zinco e magnésio.

Benefícios do tempeh

Além das vantagens já mencionadas, o tempeh tem pouco teor de sódio, o que é uma diferença a outros alimentos derivados da soja.

Ademais, ele conta com antibióticos naturais na composição, o que é um dos principais motivos de ser um alimento tão presente nas refeições dos indonésios, pois consomem para que tenham aumento de proteção contra uma série de doenças do intestino.

O consumo desse alimento também pode fornecer fortalecimento dos ossos. Bem como pode oferecer alívio em sintomas de menopausa e reduzir as chances de ter doenças coronarianas.

Ademais, o consumo pode ser favorável para evitar alguns tipos de câncer. Porém, para ter todos esses benefícios o tempeh precisa ser consumido dentre de uma alimentação balanceada e saudável.

Tempeh

Qual é a diferença entre seitan, tofu e tempeh?

Seitan, tofu e tempeh, possuem algumas diferenças. O tempeh você já sabe o que é, e esse três alimentos têm em comum a possibilidade de substituição pela carne e a origem da soja.

No entanto, o tofu é considerado como um queijo de soja, pois ele é fabricado a partir de leite de soja coagulado e cortado em blocos.

O resulto não tem gosto muito marcante, por isso é um alimento que pode ser utilizado em muitas receitas. Pois, logo absorve o sabor dos outros ingredientes.

Ademais, o seitan é feito no processo de enxágue e cozimento de uma massa de trigo, para que seja removido o amigo dessa massa.

O resultado é muito chamado de glúten e pode ser uma alterativa à carne. E é possível encontrar esse alimento no mercado, inclusive em pé.

Ademais, conta com baixo índice de carboidrato e não possui colesterol. Além disso, também absorve com facilidade os temperos e sabores de outros alimentos quando misturado em alguma receita.

Dessa forma, assim como muitos outros alimentos feitos à base de soja, tempeh é uma das melhores opções para compor uma dieta sem proteína animal. Além disso, tem uma infinidade de benefícios à saúde.

Ademais, ele pode ser feito em casa e é considerado um alimento muito nutritivo e que contém propriedades que fazem funcionar melhor várias partes do sistema digestivo.

Portanto, se você quiser acrescentar o tempeh em sua dieta, pode fazer sem medo, pois o resultado vai ser muito positivo.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo