Trator é indispensável no campo e também nas fazendas

Inicio » Agronegócio » Trator é indispensável no campo e também nas fazendas
27/04/2020 Por
Trator é indispensável no campo e também nas fazendas

O trator é um maquinário que contribui em grande parte para o plantio

Grande parte do trabalho agrícola ainda é feito à mão, seja semeando centenas de milhares de plantas, capinando ou colhendo. Contudo, o trator desempenha um papel central na lavoura e preparação dos campos para o plantio.

O trator contribui com o agricultor matando ervas daninhas, moldando canteiros para plantar, espalhando fertilizantes, entre diversas outras coisas. Diferente dos carros comuns, sua vida útil é calculada em horas, e não por quilometragem, podendo ser analisada a necessidade ou não de manutenção.

Trator

O que é trator?

Trator é um tipo de veículo usado em fazendas e locais de plantio. A palavra vem de origem latina trahere, que significa “puxar”.

Os primeiros usos registrados do maquinário vêm de meados do final do século XIX. Nessa época, motores e veículos projetados para puxar ferramentas e vagões agrícolas começaram a ser desenvolvidos. Eles foram inicialmente referidos como motores de tração e depois como tratores.

Para que servem os tratores?

Os tratores possuem motores a diesel, que são grandes e poderosos. Em teoria, isso significa que eles devem ser capazes de andar rápido, tal como os carros esportivos.

Contudo, em um trator, a potência do motor é projetada para ser usada de uma maneira totalmente diferente: para puxar cargas grandes e pesadas. O que torna isso possível é a caixa de câmbio. Ela converte as revoluções em alta velocidade em rotações muito mais baixas das rodas. É isso o que aumenta a força com que esse maquinário pode usar para andar e puxar coisas ao mesmo tempo.

Esses veículos foram projetados originalmente para substituir animais de trabalho, como bois e cavalos. Eles eram usados pelas pessoas para puxar carroças e arados desde os tempos antigos.

Um dos pioneiros dos tratores modernos é o industrial americano Henry Ford. Ele obteve, pelo menos, parte de sua inspiração com uma simples determinação de apresentar algo melhor do que o cavalo para fazer trabalhos agrícolas pesados.

Os primeiros tratores eram alimentados a carvão e conhecidos como motores de tração a vapor. Pareciam pequenas locomotivas, com rodas de metal grandes e resistentes, capazes de rolar por estradas. Seu primórdio se deu por volta do final do século XIX.

Trator

As máquinas agrícolas

As operações no campo para as quais são usadas máquinas agrícolas modernas são diversas. No nível da produção, elas incluem:

  • Armazenamento;
  • Transporte;
  • Processamento;
  • Semeadura, plantio, bem como o transplante;
  • Manipulação dos resíduos das culturas anteriores;
  • Cultivo;
  • Preparo primário/secundário dos solos;
  • Aplicação e distribuição dos fertilizantes;
  • Controle das pragas;
  • Drenagem;
  • Colheita;
  • Irrigação.

Ao longo dos tempos, os animais foram as principais fontes de energia dentro da agricultura, como dito acima. Contudo, tempos depois, o vapor e sua força ganharam importância.

Após a Primeira Guerra Mundial, os tratores que eram a gás tornaram-se comuns, mais tarde vieram os movidos a diesel. Nos países mais desenvolvidos, isso resultou no menor número dos trabalhadores, mas a produção aumentou devido à utilização de máquinas agrícolas.

Os tipos de máquinas agrícolas

  • Arado – É uma peça notável do maquinário agrícola, utilizada para fazer sulcos na terra durante a estação de plantio. O arado tem a vantagem sobre os tratores, pois pode mudar a terra utilizando suas poderosas lâminas com bastante facilidade;
  • Arrasto – Esta máquina é bastante usada no intuito de quebrar metais, madeiras, bem como outras partículas mais sólidas. Estas ficam no solo das fazendas e são segregadas pelos arados. Pode-se dizer que partículas sólidas acabam impedindo o crescimento de culturas dentro do campo;
  • Pulverizador – Pode ser um drone que pulveriza com precisão um tanque cheio de inseticida, fungicida ou pesticida. Essas substâncias são pulverizadas uniformemente em cima das culturas que necessitam desses produtos químicos;
  • Plantadeira – Uma plantadeira da lavoura é, em geral, necessária para terras agrícolas difíceis que não conseguem ser deslocadas facilmente usando um arado. O equipamento semeia o solo sem plantio direto;
  • Fertilizante – É sabido que os fertilizantes são um tipo de insumo primordial para que as culturas cresçam saudáveis. O distribuidor dos fertilizantes obriga o agricultor a adicionar o esterco somente nos tubos de descarga, espalhando-o pelo campo.

O trator de pneu

O trator de pneu é composto de motor, câmbio e rodados (pneus), todos acoplados e formando um grande conjunto. Nele a estrutura pode ser chassi, semichassi, monobloco, além de articulados, ou máquinas raras.

A máquina monobloco é o modelo mais comum, constituída de motor, câmbio e um diferencial que forma o conjunto estrutural onde o cárter (em determinados casos) e o bloco do motor são parte integrante. Todos os maquinários que estão abaixo dos 100 cv nos motores são compostos dessas construções.

O modelo de chassi, no entanto, possui os componentes montados como chassi do tipo longarina. Este arranjo é o mais comum no trator de pneu de alta potência que necessita de conjuntos mais reforçados.

O semichassi é um conjunto híbrido com diferencial e câmbio estrutural acoplado à estrutura de chassi dianteira. É isso o que suporta o motor e o eixo dianteiro.

Trator

Trator 4 x 4

É fato que o trator convencional ocupa uma boa parte do mercado. O aumento de propriedades agrícolas demandou também o aumento do tamanho dos implementos. Portanto, também houve a necessidade de mais velocidade de deslocamento para a execução das operações, em especial, de preparação do solo. Assim, acabou acontecendo a substituição pelo trator 4 x 4.

Esses tratores são de porte grande e também pesados, apresentando uma potência do motor acima dos 120 cv. Podem ter um chassi articulado ou rígido. Acabam se adequando melhor aos solos pesados, em funções que exigem alta exigência da tração.

Eles oferecem uma segurança maior nos terrenos com grande declive. A distribuição do peso pelos eixos garante uma estabilidade longitudinal. Além do mais, tem boa capacidade para frenagem, uma vez que o freio age nas quatro rodas. Não são indicados, porém, para operações dentro do cultivo, por causa do tamanho de seus pneus.

O preço de trator

A média de preço de trator é calculada com base no tipo de veículo e funcionalidade, podendo variar conforme região.

Entretanto, o valor médio de um trator pode variar entre R$ 25.000,00 até R$ 350.000,00.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo