Violeta tem beleza inconfundível e gera muita renda no Brasil

Inicio » Agronegócio » Violeta tem beleza inconfundível e gera muita renda no Brasil
27/08/2019 Por
Violeta tem beleza inconfundível e gera muita renda no Brasil

Mesmo popular, a violeta requer orientação técnica para florescer linda e você cultivá-la como um profissional

Uma pequena notável, a violeta é um tipo de flor exuberante e que pode ser encontrada nos mais variados tons. Além de ser apreciada em diversas regiões do mundo, ela apresenta beleza singular. Essa flor chega a manter sua floração por longos períodos se forem tomados os cuidados corretos.

Outro motivo de quem investe na criação da violeta é que ela não requer muitos cuidados especiais, já que se adapta a todos os ambientes, ganhando a fama de uma das flores mais cultivadas no Brasil. Por florescer o ano todo, ela gera muitas dúvidas sobre quais as melhores técnicas para mantê-la bela em todas as estações.

Violeta

O que é violeta?

Violeta é uma planta herbácea e com as folhas geralmente ásperas. A cor das folhas é bem verdinha e o tamanho chega a até vinte centímetros de comprimento. Como características da violeta, temos uma folhagem em forma de estrela e tonalidade verde escuro, sendo coberta por pelos em sua parte superior.

Seu caule é espesso e longo, o que permite que suas folhas criem uma certa abertura ao redor das flores. Mesmo assim, elas podem surgir como ramalhetes, pequenos buques ou ainda solitárias.

Suas flores apresentam as pétalas livres com cores inusitadas. Afinal, os produtores estão sempre criando novas possibilidades de tonalidades.

Em suma, ela é das mais lindas flores que encontramos na natureza, pois pode ser encontrada em diversas tonalidades, muito apreciadas por todo o mundo, como:

  • Roxa;
  • Cor-de-rosa;
  • Azul;
  • Branco;
  • Amarelo.

Com uma beleza singela, ela mantém suas flores por muito tempo, principalmente quando recebe os cuidados devidos, sendo a escolha perfeita para decorar o interior da casa ou do apartamento.

Apesar de popular, ela ainda traz dúvidas em relação às orientações de plantio e cuidados. Assim, ainda temos dicas sobre técnicas para deixar sua plantinha com um visual sempre vistoso e cheio de saúde.

Outro ponto positivo que merece destaque é que ela é muito fácil de cuidar, pois costuma se adaptar facilmente a qualquer ambiente e ainda floresce o ano todo. Não por acaso, as violetas estão entre as flores mais cultivadas no Brasil.

A violeta para gerar renda no mercado da floricultura

São vários os tipos de violetas, mas existem muitas similaridades entre as variedades cultivadas e vendidas. Mesmo assim, é fácil encontrar flores fora da família botânica dessas violáceas. Ou seja, as semelhanças são tão marcantes que confundem as demais variedades.

Como exemplo, temos a popular variedade africana, que faz parte da família das gesneriáceas. Por ouro lado, os variados tipos da flor têm em comum uma grande rusticidade. Afinal, são flores com fácil manejo e que exigem pouco cuidado, fornecendo vigorosas floradas e uma vida útil bem prolongada.

Violeta

A flor ideal para quem não possui um jardim, ela tem cultivo amplo em pequenos vasos. Violetas são coloridas e delicadas, que costumam ser vendidas até mesmo em feiras livres, lojas de variedades e supermercados.

As violetas encontradas no mercado são vendidas em vasos plásticos, o que não chega a ser um problema. Contudo, para você ganhar um ciclo de vida mais longo, nossa dica é passá-la para vasos feitos de barro. Afinal, eles mantêm a umidade do solo em níveis aceitáveis e não o contamina.

Confira os tipos mais comuns:

  • Violeta-brava;
  • Violeta-dos-campos;
  • Amor-perfeito.

Aprenda como cuidar de violeta

A seguir, temos dicas adequadas para você aprender como cuidar de violetas. Essas flores ficam lindas com um certo planejamento e uma adubação regular. Ainda assim, mesmo que não tenham um perfume próprio, ainda estão entre as preferências brasileiras.

Como vimos, violetas são flores são fáceis de cuidar e alegres para se cultivar. Dessa forma, para garantir toda a sua beleza por mais tempo, a primeira dica aqui é usar um vaso de barro para cultivo. Isso porque, apesar de o plástico ser mais charmoso, elas amam uma rusticidade natural.

Com isso, a violeta pode absorver melhor a umidade e evitar que suas raízes apodreçam. Mesmo assim, cuidado para não molhar suas folhas, regando apenas o pratinho de terra uma vez a cada trinta dias.

Para evitar a presença de cloro, basta ferver a água e esperar ela esfriar. Outra opção é usar água mineral. Entretanto, nos dias mais quentes, a dica é regá-la cerca de duas vezes na semana.

Em relação à luz, a violeta a adora, embora não se dê bem com o sol direto. Ou seja, o melhor ambiente é aquele com temperatura entre vinte e trinta graus, com raios solares sendo amenizados por vidros.

Para uma adubação ser utilizada com responsabilidade, existem alguns fertilizantes químicos próprios para a flor. Para isso, alterne o adubo periodicamente, variando entre húmus de minhoca e farinha de osso.

Veja, agora, um passo a passo básico que vai ensinar você como plantar violetas sem complicação:

  • No fundo de um vasinho, coloque uma fina camada de pedrinhas;
  • Então, encha-o pela metade com a mistura de duas partes de terra, uma de remédio contra pragas e duas de terra vegetal;
  • Plante sua muda, deixando a raiz no centro;
  • Complete com a mistura;
  • Depois, regue à vontade, deixando a água vazar do pratinho.

Violeta

Acertando a adubação para violeta

Para suas mudinhas florescerem com exuberância, o adubo para violetas tem papel fundamental. Dessa forma, se você seguir nossas orientações, elas vão florescer com mais saúde e ficarão belas o ano todo. Além do mais, recomendamos fazer o procedimento até quatro vezes ao ano.

Para isso, use apenas produtos adequados, encontrado em supermercados, floriculturas e lojas especializadas. A violeta é uma flor que requer compostos com nutrientes vitais, assim como o nitrogênio é substância de grande utilidade para nutrição do solo.

Confira o que é essencial para a flor:

  • Potássio;
  • Fósforo;
  • Nitrogênio.

Na prática, você precisa diluir o adubo em água para fazer a aplicação na terra em que a flor está, de acordo com as instruções do fabricante. Assim, com essas dicas, você conseguirá manter suas mudas de violeta sempre perfeitas, tanto para adornar seu jardim e sua casa quanto para ser um produtor.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo