Vitamina B5 (ácido pantotênico ou pantonel) é solúvel em água

Inicio » Agronegócio » Vitamina B5 (ácido pantotênico ou pantonel) é solúvel em água
03/12/2020 Por
Vitamina B5 (ácido pantotênico ou pantonel) é solúvel em água

A vitamina B5 executa diversas funções importantes no corpo, sendo um dos principais nutrientes a fazer parte da dieta diária. Como é presente na maioria dos alimentos, é raro que alguém sofra de insuficiência dessa vitamina no corpo. Entretanto, em tais casos, é indicado o uso de suplementos para resolver ou atenuar o problema.

Vitamina B5 é classificada como hidrossolúvel, isto é, que se dissolve em água, e pertencente a um grupo de vitaminas conhecido como vitaminas do complexo B, que exercem função importante para o metabolismo celular.

Vitamina B5

O que é Vitamina B5?

Vitamina B5 é uma das vitaminas hidrossolúveis do complexo B, também referida como ácido pantotênico. Formada pela junção de ácido pantoico e molécula de beta-alanina, unidas por um grupo amina.

Foi descoberta durante estudo sobre processo de leveduras em 1933, quando se descobriu que ela desempenhava papel fundamental para o metabolismo celular e muitas das vias enzimáticas.

O metabolismo celular diz respeito às transformações químicas ocorridas quando matéria e energia são introduzidas nas células. As reações provocadas pela interação desses elementos são controladas por proteínas chamadas enzimas.

A importância do metabolismo celular incide na geração de energia para o funcionamento das células.

Portanto, a vitamina B5, junto às demais do complexo B, que totalizam 8, são fundamentais para a sobrevivência dos organismos.

Contudo, ela não é sintetizada pelo corpo humano, sendo preciso ingeri-la por meio de alimentos para nutri-lo na porção diária mínima necessária.

Entretanto, isso não se demonstra uma dificuldade, uma vez que boa parte dos alimentos tem presentes em sua composição a B5 e suas irmãs, sendo muito raro alguém apresentar insuficiência desse nutriente.

Mas raro não significa impossível.

Há casos em que isso ocorre principalmente com pessoas que enfrentam períodos prolongados de desnutrição, seja por questão social ou por problemas de saúde que as levam a necessitar de todos os principais nutrientes, não só a vitamina em destaque neste artigo.

Para resolver ou amenizar o problema, nesses casos, receita-se a ingestão de suplementos alimentares enriquecidos com vitamina B5 para prover os necessitados dessas e outras vitaminas o mais rápido possível e de maneira reforçada.

Para que serve a vitamina B5?

Mas, afinal, para que serve a Vitamina B5 exatamente?

Essa vitamina exerce diversas funções no nosso corpo, destacadamente a extração de proteínas e outros nutrientes importantes dos alimentos para serem aproveitados pelo organismo, favorecendo a produção de energia essencial para o funcionamento das atividades orgânicas e para manter do bom funcionamento do metabolismo.

Imagine você se alimentar e mesmo assim se sentir fraco, cansado e não apresentar nenhuma melhora no seu desempenho físico? Basicamente a vitamina B5 faz um meio de campo entre nutrientes e células, apresenta umas às outras e faz a “mágica” acontecer.

Outra função importante é a de produzir hemácias, ou seja, células que carregam o oxigênio pelo sangue. Impensável para a nossa espécie viabilizar uma vida produtiva e plena sem contar com tal produção.

A vitamina B5 ainda produz colesterol e hormônios, outros elementos indispensáveis para o nosso desenvolvimento como espécie.

Vitamina B5

Benefícios da vitamina B5

Como vimos são vários os benefícios da vitamina B5 para a nossa vida, para a saúde de nosso corpo. Mas vamos elencar alguns exemplos mais claros desses benefícios a seguir.

Saúde do coração

A vitamina B5 não só produz colesterol, como também o regula, ajudando a controlar a pressão arterial, fundamental para manter o coração em seu ritmo normal, evitando assim a evolução de doenças cardiovasculares.

Saúde do cérebro

A B5 atua no cérebro ao produzir neurotransmissores e regular hormônios responsáveis por causar transtornos mentais, como ansiedade, depressão, entre outros males.

Por isso, costuma-se receitar alimentos ricos em vitamina B5 como uma das formas de melhorar a condição de vida das pessoas que estejam passando por esse tipo de transtorno, auxiliando para que elas possam superar esses problemas.

No entanto, apenas elaborar uma dieta rica em vitamina B5 não deve ser considerada uma ação satisfatória para lidar com casos dessa natureza, pois normalmente se faz necessário outros tipos de medidas para tratar os pacientes, onde a vitamina B5 atua apenas como complemento.

Reduz o cansaço

Por trabalhar como intermediária entre nutrientes e células e ajudar, dessa forma, na produção de energia, essa vitamina é uma das responsáveis por diminuir o cansaço, principalmente após as refeições.

Acelera a cicatrização

Com a geração de energia, o organismo inteiro sai ganhando, pois as principais funções são mantidas, dentre elas, a reconstrução epitelial após se sofrer um dano, ou seja, a capacidade de regeneração e cicatrização ao ter a pele atingida por algo capaz de a perfurar.

Por isso, é comum receitar medicações e alimentos ricos nessa vitamina em situações de pós-operatório.

Vitamina B5

Sinais de deficiência de vitamina B5

Quando o corpo não está bem nutrido por vitamina B5, quais são os sintomas manifestados para que se possa identificar o problema ou, ao menos, levantar uma suspeita?

Um dos sintomas típicos e que costumam irritar bastante é a queimação no pé. A pessoa experimenta falta de sensibilidade no membro, ao mesmo tempo em que sente uma queimação acompanhada de dor inflamatória muito intensa.

Além disso, passa a sentir fraqueza em todo o corpo.

Também são comuns os relatos de ocorrências de vômito, insônia, anemia e contração de músculos.

Tipos de vitaminas

Basicamente há dois tipos de vitaminas: as hidrossolúveis e as lipossolúveis.

Hidrossolúveis

As vitaminas hidrossolúveis são dissolvidas em água. Quando consumidas em quantidades maiores do que a necessidade do organismo, são descartadas por meio da urina.

As vitaminas que integram essa classe são as do complexo B, onde está incluída a B5, e a vitamina C.

Lipossolúveis

São vitaminas solúveis em lipídeos junto à presença de bile e suco pancreático, no entanto, não são solúveis em água.

As vitaminas dessa classe ficam armazenadas em órgãos e tecidos gordurosos. Vitaminas desse grupo: A, D, E e K.

Alimentos com vitamina B5

A vitamina B5 certamente pode ser encontrada em alimentos como fígado, abacate, queijos, farelos de trigo, salmão, cogumelos, brócolis, nozes, peixe, ovos e produtos lácteos.

A ingestão diária recomendada de vitamina B5 é de pelo menos 5 gramas.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo