Besouro pode influenciar as produções agrícolas de diversas maneiras

Inicio » Meio Ambiente » Besouro pode influenciar as produções agrícolas de diversas maneiras
28/06/2019 Por
Besouro pode influenciar as produções agrícolas de diversas maneiras

Entenda um pouco mais sobre o besouro e as suas particularidades

Você já ouviu falar sobre o besouro? Sabia que existe uma diversidade imensa desses animais e que eles podem viver em quase todos os lugares do mundo?

É isso mesmo. Ficou curioso? No decorrer deste artigo falaremos tudo o que você precisa saber sobre o besouro. Portanto, acompanhe até o final, de olhos bem abertos!

Besouro pode influenciar as produções agrícolas de diversas maneiras

Besouro é o nome atribuído aos diversos insetos que possuem um par de asas duras. Estes animais pertencem ao filo artrópoda e, mais especificamente, estão presentes na ordem coleóptera.

Suas asas mais rígida protegem um segundo par de asas, que geralmente são mais moles, e são utilizadas por alguns besouros para voar. Assim, muitas pessoas qualificam o ser como besouro cascudo.

Entretanto, essa não é uma habilidade tão comum a este ser. Assim, muitas espécies perdem esse “poder” no decorrer de suas vidas.

Morfologia do besouro

É importante compreendermos que os besouros possuem alguns característica marcantes, e que devem ser destacadas, como por exemplo:

  • Cabeça arredondada (maioria) ou alongada que forma um rostro com aparelho bucal no ápice;
  • Protórax desenvolvido;
  • Ocelos nas larvas e olhos compostos circulares ou elípticos nos adultos;
  • Aparelho bucal mastigador bem desenvolvido;
  • Pernas ambulatórias (andar), fossoriais (cavar) e natatórias (espécie aquáticas);
  • Primeiro par de asas modificados em élitros e segundo par asas membranosas;
  • Abdome séssil, com 10 urômeros nos machos e 9 nas fêmeas; onde se encontram os espiráculos (respiração).

Ainda é interessante dizer que muitas dessas características do besouro podem ser encontradas em outros insetos. Trata-se de atributos específicos de muitos artropodes.

Reprodução do besouro

A reprodução dos besouros é sexuada. Entretanto, existem algumas exceções, onde pode haver a patogênese. Assim, os óvulos se desenvolvem sem fecundação.

A maioria das espécies costuma colocar ovos, entretanto, é válido destacar que podem existir tanto espécies ovovivíparas quanto vivíparas.

Besouro pode influenciar as produções agrícolas de diversas maneiras

Comumente, os ovos são alongados e bastante lisos. Eles podem ser criados de forma variada, uma vez que podem ser postos de forma solitária ou em grupo.

Quando eles estão prontos podem eclodir, dando origem a pequenas larvas. Elas sofrem ecdises, se transformando em pupas e, posteriormente, adultos.

Assim, podemos dizer que o animal apresenta desenvolvimento completo. Eles são classificados como holometábolos, com fases jovens diferentes do adulto.

Bioluminescência em besouros

Assim como acontece com alguns vaga-lumes e pirilampos, alguns tipos de besouro podem apresentar a bioluminescência.

Trata-se de uma capacidade obtida a partir de uma reação química entre a luciferina e a água. Ambos elementos estão presentes no corpo do inseto.

Eles são catalisados pela ação de uma enzima, chamada de luciferase, e assim produzem oxiluciferina e raios luminosos.

É fundamental ressaltar que a bioluminescência não possui prevalência de sexo, assim, tanto machos quanto fêmeas podem gerar luz.

Habitat dos besouros

Quanto ao habitat do besouro, eles são extremamente adaptados aos diversos climas e variedades de ambientes existentes.

Dessa maneira, eles podem viver em desertos, planícies, matas ciliares, rios, lagos, praias, florestas tropicais e temperadas, e qualquer nicho ecológico imaginável de todos os continentes.

A exceção fica para a  Antártida, que com temperaturas extremamente frias podem acabar matando o inseto. Assim, eles não habitam a região.

Alimentação dos besouros

Esses insetos geralmente apresentam um  regime alimentar bastante variado tanto na forma adulta quanto durante a fase larval, com exceção da hematofagia.

Como eles podem ser encontrados em quase todos os tipos de habitat, a alimentação do besouro engloba toda a sorte de materiais vegetais e animais.

Muitos deles são fitófagos, ou seja, se alimentam de tecidos vegetais vivos ou mortos. Todavia, também existem espécies predadoras, necrófagas e algumas espécies parasitas, inclusive do ser humano.

Qual é a importância agrícola do animal?

Os besouros são conhecidos por possuírem um importante papel no cenário agrícola. Eles são responsáveis por realizar um controle biológico.

Muitos desses insetos são predadores naturais de pulgões e cochonilhas, considerados como principais pragas de roseiras e citrus, por exemplo.

Assim, eles ajudam involuntariamente os produtores agrícolas. Entretanto, existem casos onde eles podem prejudicar as plantações e produções.

Um exemplo bastante simples é o o besouro castanho. Trata-se de um inseto de coloração marrom avermelhada, que mede entre 2,3 a 4,4 cm de comprimento.

Apesar do pequeno tamanho, ele pode viver até 4 anos e ser responsáveis pela perda total de armazéns em todo o mundo.

Isso porque eles todos os tipos de cereais moídos como farelo, rações, farinhas, fubá e também raízes de gengibre, frutos secos, chocolate, nozes, grãos de leguminosas.

Besouro

Tipos de besouro

Agora iremos falar de algumas notáveis espécies de besouro. Isso serve para você observar um pouquinho da imensa variedade presente na ordem coleoptera. Acompanhe:

Besouro Venenoso

Também conhecido pelo nome científico de Lytta vesicatoria, ele pode medir entre 1 e 2 centímetros. A espécie vive no sul e centro da Europa, Sibéria e América do Norte.

Geralmente, esse tipo de besouro começa a aparecer na Europa durante o verão. Assim, a fêmea põe seus ovos próximos a abelhas, pois quando os filhotes nascem, entram no ninho da mesma.

Lá dentro, eles sofrem uma transformação, soltando a pele e virando larvas mínimas que passam a se alimentar dos filhotes da abelha.

Ainda, além de exalar um cheiro muito forte, para que os predadores não se aproximem deles, eles soltam um veneno que queima a pele, formando bolhas. Não é a toa que ele está entre os mais venenosos besouros que existem.

Escaravelho

Este mede cerca de 4 centímetros de comprimento. Geralmente, ele têm três pares de pernas. Seu voo é pesado e muito barulhento. Em algumas culturas, ele é conhecido como o besouro rola esterco e pode ser encontrado em praticamente todos os lugares.

Uma de suas principais característica é rolar uma bola de excremento de animais, principalmente de cavalos, que pode chegar a 4 cm de diâmetro.

Ao terminar de preparar a bola, enterram-na em um buraco para que possam se alimentar. Esta bola é tão preciosa para eles que os insetos até entram em combate por ela.

Existem mais de 20 mil espécies de escaravelhos no mundo.Para a reprodução o macho e fêmea se juntam para fazer uma bola em forma de pera.

Nesta bola, a fêmea coloca os ovos para que as larvas ao nascer encontrem alimento para elas. Após o período de desenvolvimento, elas se tornam o besouro adulto.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo