O que é equinocultura e quais são as suas características no Brasil

Inicio » Agronegócio » O que é equinocultura e quais são as suas características no Brasil
26/06/2020 Por
O que é equinocultura e quais são as suas características no Brasil

Entenda a produção de cavalos e descubra o que é equinocultura

Com crescimento extremamente acelerado em território brasileiro, muitas pessoas perguntam o que é equinocultura e qual sua importância. O fato é que os cavalos são animais extremamente importantes e que conquistam facilmente.

Portanto, saber o que é equinocultura e como a mesma se posiciona e age no mercado é fundamental caso possua cavalos ou trabalhe com a mão de obra dos mesmos. De qualquer forma, acompanhe o artigo e descubra mais!

O que é equinocultura

O que é equinocultura?

“O que é equinocultura” é uma pergunta muito feita nos dias de hoje. Na verdade, a equinocultura se trata, nada mais, nada menos, do que a produção de cavalos. No Brasil, teve um crescimento assustadoramente acelerado, fazendo com que pessoas até de fora do segmento criassem interesse pelo assunto.

A criação de cavalos é muito confundida com a equideocultura. Muito semelhante à equinocultura, é uma atividade que abrange a criação de asnos, burros e jumentos. Além desses animais, o bardoto e a mula também fazem parte da equideocultura.

De qualquer forma, a equinocultura no Brasil é altamente popular nos dias de hoje. Prova disso é que a Federação Internacional da Agricultura atestou que o Brasil possui a quarta maior tropa de cavalos do mundo inteiro.

Mesmo que, para os pessimistas, não pareça uma posição tão satisfatória no ranking, é importante frisar que se trata de um ranking a nível mundial. Além disso, para quem possui capital e deseja investir em alguma atividade, iniciar uma fazenda de cavalos para dar o pontapé inicial na equinocultura pode ser altamente rentável e gratificante.

Gratificante não somente no sentido financeiro e físico, mas emocional e psicológico também. Afinal, os cavalos são animais extremamente bondosos e fiéis quando são bem tratados. Logo, fazem amizade com grande facilidade com o seu criador.

Para entender mais sobre o que é equinocultura, é preciso entender que isso vai muito além do uso do cavalo ou da comercialização do mesmo, mas sim do bem-estar físico e psicológico, afeto e paciência para com o animal.

Logo, a equinocultura não está ligada somente ao dinheiro, mas sim à prática de cuidar e dar amor aos equinos de uma forma racional, cuidadosa e profissional.

A equinocultura no Brasil

Quando pensamos em equinos, é muito comum que o pensamento nos leve diretamente aos concursos e competições. Esse pensamento, de certa forma, está certo. Afinal, os cavalos estão sempre envolvidos em competições e hipismos e, para isso, é preciso adquirir um equino altamente saudável de um criador muito responsável e ético.

Assim, exite um mercado muito diversificado, possuindo cavalos para todos os tipos de gosto. Porém, é preciso sempre avaliar alguns detalhes antes de dar início a esse negócio. Afinal, cultivar, manter e cuidar com afeto desses animais é uma prática extremamente maravilhosa, mas que requer:

  • Motivação;
  • Paciência;
  • Planejamento;
  • Tempo disponível.

Os cavalos podem assustar algumas pessoas por conta do tamanho. Porém, a partir do momento em que começam a criar um vínculo com o criador, acabam sentindo saudade do mesmo e até vivenciando momentos de solidão. Justamente por isso, jamais entre no ramo de equinocultura se não tiver tempo para se dedicar aos animais.

O que é equinocultura

Iniciando

Além de tempo disponível, é preciso ter espaço. Um terreno amplo precisa estar disponível aos animais, já que precisam de espaço para correr e se exercitar. Além disso, é preciso nunca esquecer de separar os garanhões das éguas.

Entretanto, é muito melhor se o espaço tiver estrutura para instalar uma espécie de estábulo. O local deve ser muito bem iluminado, com água o suficiente para o animal. É preciso, também, de um local para plantar o feno que será um complemento da alimentação de equinos.

Além disso, é preciso estar sempre muito atento ao crescimento de matos e gramas. Isso porque, como os cavalos costumam cheirar e comer quase tudo o que está no chão, podem acabar sofrendo de envenenamento através de plantas tóxicas.

A zona de reprodução é algo que deve estar presente também. Outro ponto importante é sempre construir galpões para que os animais fiquem bem protegidos do frio ou do sol excessivo. Tais galpões precisam ser altos e grandes.

Em relação ao cercado, é importante utilizar cercas de altíssima qualidade e que sejam adequadas para que os cavalos não escapem com facilidade. Afinal, como são animais com um fortíssimo instinto de liberdade, podem apresentar uma certa vontade de fugir.

A cerca também não pode ser de um material que causará ferimento no animal. Portanto, existem cercas de madeira que podem suprir muito bem esse tipo de problema. É importante nunca utilizar cercas de arame farpado, sob hipótese alguma.

O que é equinocultura

Mercado

A partir do momento em que toda a estrutura do criadouro está montada, é extremamente necessário domesticar os potros desde bem jovens, a fim de fazê-los entender comandos e saber como se comportar em todos os momentos.

Além disso, como se trata de um negócio rentável, é preciso não esquecer de que a roda tem que girar. Para isso, treine, reproduza, venda. É muito importante manter todos os procedimentos em dia.

Afinal, mesmo que se trate de um mercado com possibilidades ótimas de ganho, os animais precisam estar em boas condições e todos os procedimentos precisam ser feitos de forma regrada. Portanto, jamais desfalque o estoque de animais e nem desleixe dos mesmos.

É muito importante avaliar para quem o cavalo será vendido. Mesmo que o negócio gire em torno de fazer dinheiro, é preciso que o comprador tenha condições e o mínimo de respeito pelo animal, a fim de garantir uma vida digna ao mesmo.

Uma ótima forma de garantir que a economia gire – tanto a pessoal, quanto da fazenda e nacional – é sempre divulgando os serviços e fotos dos animais. Todas as informações são úteis nesse momento.

Afinal, mesmo sem um negócio altamente rentável, é necessário que as pessoas saibam da existência do mesmo a fim de, finalmente, realizarem a compra desejada. Lembre-se, também, que o bem-estar do equino e a ética são características fundamentais.

Jamais maltrate os animais e mantenha-os com a saúde em dia. Dessa forma, é possível garantir uma ótima renda e atrair o interesse de possíveis clientes ao mostrá-los o que é equinocultura e seus encantos.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo