Estoque para produtos agrícolas deve ser bem gerenciado e organizado

Inicio » Agronegócio » Estoque para produtos agrícolas deve ser bem gerenciado e organizado
07/07/2019 Por
Estoque para produtos agrícolas deve ser bem gerenciado e organizado

A gestão de estoque para produtos agrícolas pode ser a chave para um bom rendimento

Pouco se fala nisso, mas quando se trabalha com produtos agrícolas, a gestão de estoque é uma das coisas mais importantes para que você possa ter um negócio que gere boa renda. Talvez por não se tratar de um trabalho operacional, muitas pessoas tendem a deixar essa questão de lado. Porém, isso não diminui sua importância.

Entre todos os desafios que trabalhar no mundo do agronegócio proporciona, esse é um dos maiores. Isso porque existem diversas questões que envolvem o gerenciamento de estoque. Por isso, vamos falar sobre cada uma delas hoje e sobre como você pode usar isso ao seu favor.

Estoque

O que é estoque?

Estoque é, resumidamente, o armazenamento de determinados produtos que uma empresa possui. Existem diferentes tipos de estoque e diversas formas de armazenar esses produtos. A forma como você vai gerir, comprar e vender mais produtos para o seu negócio depende de uma estratégia e do planejamento de estoque que você adota.

Quando falamos especificamente de estoques para produtos agrícolas, existem diversos pontos aos quais você deve se atentar, além de tomar alguns cuidados.

A importância do estoque para esse tipo de negócio é muito grande, já que um bom gerenciamento pode definir o sucesso ou não de um produtor, como já citamos aqui.

A seguir, vamos falar um pouco sobre os principais tipos de estoque e como cada um deles funciona.

Tipos de estoque

Para que fique mais claro para você entender como realizar um bom gerenciamento, vamos falar dos principais tipos de estoque que podem ser usados no mundo do agronegócio. Eles são:

  • Em consignação;
  • De antecipação;
  • De proteção.

Explicaremos sobre cada um separadamente, mostrando suas principais características e para que finalidade são usados.

Estoque em consignação

O estoque em consignação nada mais é do que aquele que é mantido por terceiros. Ele pode estar sob responsabilidade de distribuidores ou mesmo de clientes, dependendo do seu tipo de negócio.

Esse tipo de estoque é uma alternativa interessante para os produtores que não possuem espaço ou tempo suficiente para administrar grandes demandas. Nesse tipo de acordo, todos os produtos continuam pertencendo ao produtor e, por isso, os dois lados podem se beneficiar.

Estoque

Estoque de antecipação

Também chamado de estoque sazonal, esse modelo é utilizado apenas em situações específicas.

Por exemplo, quando há uma grande demanda para os próximos meses, um estoque de antecipação é criado para atender apenas a ela. Até por isso, ele é conhecido por beneficiar o produtor no que diz respeito ao controle.

Estoque de proteção

É o tipo de estoque que existe para compensar uma determinada demanda ou mesmo uma inesperada. Como o próprio nome sugere, ele faz essa proteção para que você não possa perder um pedido ou até mesmo um cliente pela falta de um tipo de produto.

O estoque de proteção é importante para diversos tipos de situação.

O que é estoque regulador?

Esse é um tipo muito específico e importante para quem trabalha no agronegócio. Exatamente por isso, é necessário falar do estoque regulador de forma separada e mais detalhada.

Podemos definir como estoque regulador a quantidade de produtos armazenados pelo governo em determinado período, normalmente os de sua safra. Eles servem para evitar que haja escassez e, consequentemente, para regular o preço dos produtos agrícolas.

Essa medida acaba beneficiando tanto os produtores quanto o consumidor final, já que o preço dos produtos não sofre tanta variação e o mercado, assim, acaba mais regulado.

Como organizar o estoque

Entender o que é estoque e quais são seus principais tipos é muito importante. Porém, é necessário entender também qual é a melhor maneira para realizar sua organização e gerenciamento. Por isso separamos algumas dicas para isso. São elas:

  • Registrar a entrada e saída de produtos;
  • Seguir as regras de cada produto;
  • Planejar as compras;
  • Manter o local limpo.

Vejamos, a seguir, mais detalhes sobre cada uma dessas etapas de gerenciamento de estoque para que você entenda sua importância.

  • Registrar a entrada e saída de produtos

Registrar cada um dos produtos agrícolas que entra e sai do seu estoque faz com que o gerenciamento fique muito mais fácil. Isso porque você consegue ter uma visão ampla do que precisa ser comprado, o que está sendo mais vendido, entre muitos outros detalhes que podem fazer a diferença na hora de gastar futuramente.

Estoque

  • Seguir as regras de cada produto

Quando falamos de produtos agrícolas, existem muitas especificidades. Enquanto determinados alimentos precisam ficar estocados em ambientes mais quentes, outros devem estar refrigerados.

Isso sem contar com o estoque de agroquímicos, por exemplo, que não pode se misturar com diversos outros produtos. Seguir as regras de cada um deles é importante para manter o seu negócio funcionando da maneira correta.

  • Planejar as compras

Essa dica tem a ver diretamente com a primeira. Com os produtos devidamente cadastrados, uma das suas tarefas é saber planejar suas compras de forma antecipada para que você nunca sofra com a falta de algum deles.

Além disso, você também pode fazer as compras dos produtos por valores mais baixos se elas forem planejadas.

  • Manter o local limpo

Essa pode até parecer uma dica simples, mas também é muito importante. Produtos agrícolas geram sujeira, o que inevitavelmente atrai bichos.

Além de isso diminuir a vida útil de seus produtos, você também pode ter problemas com a inspeção sanitária se isso ocorrer. Por isso, mantenha seu estoque sempre limpo, independentemente do tipo de produto que você armazena.

Gerenciamento do estoque

Entender como gerir um estoque para produtos agrícolas, sem dúvidas, não é uma das tarefas mais fáceis. Mas quando você consegue adquirir essa habilidade, acaba aprendendo que seu trabalho pode render muito mais do que imaginava.

É por essa razão que entender sobre estoque é tão importante. Além disso, entender quais são os tipos e como organizar o estoque também ajuda muito para que você desenvolva seu trabalho da melhor forma possível. Por fim, apesar de ser um trabalho gerencial, ele é fundamental para qualquer um que seja ativo no agronegócio.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo