Funcho é herbácea comestível muito usada na culinária

Inicio » Agricultura » Funcho é herbácea comestível muito usada na culinária
29/09/2020 Por
Funcho é herbácea comestível muito usada na culinária

Famoso pelo aroma, funcho faz sucesso em várias regiões do Brasil. Aplicado em diversas receitas do universo culinário, o funcho é, sem dúvidas, um dos itens que mais atraem a curiosidade dos brasileiros. Essa planta também costuma ser aplicada não só na fabricação de perfumes, mas também na produção de chás e bebidas. As primeiras identificações deste elemento aconteceram na bacia do Mediterrâneo.

O funcho começou a se popularizar no Oriente Médio, onde foi testado em uma série de composições. Característico de uma região silvestre, hoje é possível verificar esta espécie sendo cultivada em solos e climas diferentes, principalmente em áreas subtropicais. É normalmente confundida com a erva doce, mas possui propriedades totalmente diferentes.

funcho

O que é funcho?

Funcho é considerado uma planta medicinal, caracterizada por pequenas flores amarelas que costumam aparecer no verão. Aplicado como remédio caseiro, é altamente recomendado para quem apresenta problemas digestivos ou resfriados constantes.

A planta também traz benefícios para quem está tentando emagrecer, além de trazer um novo saber para receitas mais simples.

Hoje em dia, é normal encontrar restaurantes que aplicam o funcho em receitas de carne ou peixes. Com o crescimento das lojas de produtos naturais, também se tornou mais simples encontrar este elemento nas grandes cidades.

Além disso, é normal encontrar a planta em farmácias de manipulação, pois é um recurso usado para a criação de remédios.

Funcho na economia

Entre os itens mais vendidos do funcho, pode-se destacar as flores e as folhas secas. Costumam ser aplicadas em processos de infusão, sendo vendidas na sequência em supermercados. O caule também é normalmente aplicado em receitas, podendo ser encontrado em feiras.

Por conta de propriedades medicinais como alcânfora e estragol, a planta é extremamente procurada.

O censo realizado em todo o Brasil no ano de 2006 apontou o funcho como uma das herbáceas mais valorizadas no país. Juntamente ao alecrim e o alho poró, foram itens considerados mais valorizados.

A produção no Sudeste foi a maior, contabilizando 81% do total de todo o território nacional. O elemento também foi extremamente valorizado no Nordeste, que apresentou 17% da produção.

Em 2011, a análise do mercado internacional apontou China e Índia como principais exportadores. O primeiro chegou a faturar cerca de US$ 300 milhões, enquanto os indianos chegaram ao montante de US$ 80 milhões. O Brasil não conseguiu rivalizar com as potências do setor, tendo a circulação de funcho muito mais forte no mercado interno. Isso muito se dá pelo trabalho concentrado em pequenos agricultores.

funcho

Chá de funcho

O chá de funcho se tornou muito conhecido no Brasil pela sua capacidade medicinal, fazendo com que mulheres pudessem produzir ainda mais leite após a gestação. Também se tornou um item recorrentemente utilizado para evitar as cólicas intestinais dos bebês, fazendo a evacuação completa dos gases. O apelo é ainda mais forte longe dos grandes centros do país, em que não há grande distribuição de remédios.

Entre os itens benéficos para a saúde, a planta é rica em vitaminas A e C, além de apresentar todo o complexo B. Outros nutrientes também são fundamentais, como é o caso do ferro, das fibras, do cálcio, do potássio, do cobre, do zinco e do sódio.

A eficiência para tratar problemas estomacais e intestinais se dá pela presença das propriedades antiespasmódicas. Com isso, a digestão é realizada rapidamente, evitando problemas com gases no organismo.

Para que serve o funcho?

Por ser um ótimo anti-inflamatório, o funcho também compõe uma série de medicações aplicadas diretamente na pele. As demais propriedades estimulantes, diuréticas e também na ação digestiva são responsáveis por uma série de outros benefícios. Com isso, a planta passou a ser considerada uma das mais importantes nas composições medicinais.

Entre os benefícios do funcho, podemos destacar a prevenção da azia, a redução de gases no estômago, o alívio do mal estar e do enjoo, o auxílio nas propriedades digestivas, o aumento considerável de apetite e um forte efeito laxante, capaz de eliminar sobras totalmente descartáveis do organismo. Vale destacar a eficiência da planta também no combate da tosse.

Além de ser consumido como chá de funcho, existem outras finalidades para a entrada no organismo. Em muitos locais, esta planta gera um tempero capaz de realçar o sabor das saladas.

Também é possível aplicar a receitas de itens doces, que geralmente também são acompanhados por canela. Os picantes gratinados e refogados também são opções que podem se utilizar das propriedades do item.

funcho

Fatores importantes sobre o funcho

Discutir para que serve o funcho é, ao mesmo tempo, encontrar soluções inovadoras para uma série de problemas. Há pequenos detalhes em que a planta pode auxiliar, mas que ainda não foram discutidos por aqui. Um destes fatores é o combate ao mau hálito. A ação antibacteriana do elemento faz com que a limpeza bucal seja extremamente rápida e eficiente.

As inflamações combatidas pelo elemento não se restringem apenas à pele. Também é possível afirmar que o funcho é um poderoso remédio contra a inflamação da garganta, chegando a tratar uma série de problemas respiratórios. É extremamente benéfico o consumo do chá com certa frequência, principalmente para alívio da circulação sanguínea.

Com isso, o item se torna essencial no combate a uma série de dores que aparecem durante o dia a dia, principalmente as que envolvem articulações. A artrite, por exemplo, é um problema que pode ser controlado com a presença do funcho. A solução também pode servir para mulheres que lidam cólicas menstruais extremamente fortes, pois ajuda a relaxar a musculatura da região.

Os expectorantes naturais também podem contar com uma base de funcho em sua composição. O elemento não é bom apenas para a circulação de ar, mas também para tratamento da febre e eliminação de muco no organismo.

As opções naturais podem não ser as mais rápidas, mas trazem constante fortalecimento para o sistema imunológico. A resistência diante de gripes e resfriados também é fortalecida.

Agora que você conhece todas as vantagens que o funcho pode oferecer, é hora de começar a introduzir este item na rotina. Há facilidade de encontrar este elemento em lojas de recursos naturais, farmácias de manipulação, mercados e muitos outros espaços.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo