Jacurutu é coruja conhecida pelas falsas orelhas e a maior no Brasil

Inicio » Meio Ambiente » Jacurutu é coruja conhecida pelas falsas orelhas e a maior no Brasil
26/10/2020 Por
Jacurutu é coruja conhecida pelas falsas orelhas e a maior no Brasil

Encontrada em todo o território nacional, jacurutu ocorre também em toda a América. As corujas estão entre os mais belos animais encontrados no Brasil, e a jacurutu é um exemplo disso. É uma espécie de coruja, a maior encontrada no Brasil e também uma das maiores encontradas pela América Latina. Com garras poderosas, também é uma ávida caçadora e é conhecida também como corujão, joão-curutu e corujão-orelhudo.

Essa é uma ave que se caracteriza pelo grande porte e suas falsas orelhas em cima da cabeça, a jacurutu é encontrada em áreas abertas e campestres.

Jacurutu

Coruja jacurutu

De nome científico Bubo virginianus, a jacurutu é da ordem Strigiformes e pertencente a família Strigidae. A maior coruja encontrada no Brasil, a jacurutu chega a medir até 60 centímetros de comprimento e pesar até 1.585 gramas no caso do macho, enquanto a fêmea pode pesar até 2.500 gramas.

A plumagem dessa coruja adulta pode variar entre marrom e cinza-escuro, com barrinhas brancas na barriga e peito e as penas mais perto do pescoço são brancas. Entretanto, sua principal característica são as orelhas, ou falsas orelhas, já que são apenas alguns tufos de penas no alto da cabeça, imitando orelhas.

Assim, como a maioria das corujas, essa espécie também é uma exímia caçadora, caçando alguns mamíferos pequenos, como preás, filhote de cutia, pombos, pequenos roedores. Com menos frequência também podem predar sapos, aranhas, lagartos e até filhotes de gavião e outras corujinhas.

Para caçar, ela permanece empoleirada em algum galho observando a presa, para depois alçar voo de forma silenciosa e capturar a presa com as garras, no chão ou em outra árvore. A jacurutu também observa e explora ninhos e cavidades de árvores atrás de possíveis presas.

A reprodução da jacurutu geralmente se dá em ninhos em árvores, ninhos já existentes e abandonados. Também podem colocar os ovos em cavernas ou no solo em meio a vegetação.

Inço

Nas regiões tropicais, pode colocar até dois ovos, mas, em regiões mais frias, chegam a colocar 6 ou 7 ovos. Então, a fêmea incuba os ovos por até 35 dias. Os filhotes começam voar por volta das 6 ou 7 semanas de vida. O casal de corujas costuma manter o território e, na época reprodutiva, podem ser agressivos, inclusive com humanos, para defender o ninho.

Corujas brasileiras

Como várias corujas que habitam o Brasil, a jacurutu habita locais mais abertos, como encostas de matas, cerrados, campos, capões. As corujas são mais frequentes em áreas rurais, regiões rochosas, aparecendo pouco nas áreas urbanas.

Seu hábitos são noturnos, ficando mais ativa no crepúsculo. Durante o dia, permanece escondida em árvores ou entre rochas.

Algumas outras corujas que podem ser observadas no Brasil, são a Coruja-da-igreja, Mocho-dos-banhados, Coruja-buraqueira e a Caburé, dente outras tantas espécies.

Para quem aprecia essas aves, elas podem ser vistas com mais frequência na Mata Atlântica, principalmente no Sul do Brasil, nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Essa região é a que concentra a maior diversidade de corujas, onde já foram encontradas cerca de 17 espécies, inclusive a jacurutu.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo