Lar Cooperativa é uma grande empresa nacional do ramo alimentício

Inicio » Agronegócio » Lar Cooperativa é uma grande empresa nacional do ramo alimentício
06/12/2020 Por
Lar Cooperativa é uma grande empresa nacional do ramo alimentício

Com sede no Paraná, Lar Cooperativa é a terceira maior do estado com mais de 300 produtos em seu portfólio. As cooperativas tem uma importância significativa na vida de muitos produtores rurais, pois prestam apoio principalmente ao pequeno produtor.

Com esse intuito, foi fundada em março de 1964 na chamada Gleba dos Bispos – hoje município de Missal, no Paraná – a Lar Cooperativa. A empresa foi idealizada por 55 agricultores oriundos dos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Esses agricultores fundaram inicialmente a Associação de Cooperativa Mista Agrícola Sipal Ltda. (Comasil), que mais tarde viria a ser a Lar Cooperativa.

Lar Cooperativa

Lar Cooperativa Agroindustrial

No ano de 1970, antes de se tornar a Lar Cooperativa, a associação se transferiu para a cidade de Medianeira, também no Paraná e em 1973 passou a se chamar Cooperativa Agrícola Três Fronteiras – Cotrefal.

Contudo, em 2001, a associação passou a se chamar Cooperativa Agroindustrial Lar, dando o mesmo nome aos seus produtos, com a marca Lar. Por fim, em 2016, o nome mudou para Lar Cooperativa Agroindustrial.

Hoje, a marca Lar engloba cerca de 300 produtos, entre congelados, cortes de frango, enlatados, além de atuar na área de grãos como soja e milho, com exportações para Europa, Ásia, América e alguns países árabes.

Frimesa

A Lar Cooperativa é hoje uma das cinco grandes cooperativas filiadas que formam a Frimesa, que também se tornou uma grande marca nacional do ramo alimentício, que processa carne suína e laticínios. Fundada em 1977, a sede da Frimesa também fica em Medianeira.

As cinco empresas que formam a Frimesa são a Lar, Copagril, C. Vale, Copacol e Primato.

Posteriormente, com o passar dos anos, o portfólio de produtos da Lar foi ampliado e hoje é possível encontrar os mais variados alimentos, como:

  • Coxa e sobrecoxa;
  • Filé de coxa e sobrecoxa;
  • Filé sassami;
  • Moela;
  • Asa temperada;
  • Filé de Peito;
  • Frango a Passarinho;
  • Arroz branco, integral e parboilizado;
  • Conservas e enlatados como palmito, azeitona, picles, cebolinha, ovos de codorna, pepinos, milho, ervilha;
  • Compotas, doces e geleias;
  • Vegetais congelados;
  • Empanados;
  • Ovos;
  • Café;
  • Temperos, maionese, macarrão, gelatina, dentre tantos outros produtos.

Lar Cooperativa

Operação Carne Fraca

Em 2017, a Polícia Federal deflagrou a chamada Operação Carne Fraca, para investigar esquemas de irregularidades em frigoríficos brasileiros e de venda de carne adulterada. De acordo com a investigação, mais de trinta empresas foram investigadas por mudar datas de vencimento de carnes, maquiar o aspecto do produto com produtos químicos e comercializar a carne estragada. A operação teve três fases e se estendeu até 2018.

Por sua vez, a Lar Cooperativa Agroindustrial emitiu nota, na época do ocorrido, que tomou conhecimento da operação através da imprensa.

A nota também dizia que a empresa lamenta os fatos em algumas das plantas frigoríficas, mas que a empresa sempre atuou no seguimento às normas regulatórias, e que não foi citada na referida operação. Ademais, alegaram também que os Fiscais Federais Agropecuários que fiscalizam as atividades de produção da Lar também não foram citados

Contudo, a Lar Cooperativa segue sendo uma grande empresa do agro nacional, exportando cortes de frango para aproximadamente 78 países e contando com mais de 13 mil funcionários e 11 mil associados.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo