Mostarda é uma planta de sementes muito utilizadas como especiaria

Inicio » Agricultura » Mostarda é uma planta de sementes muito utilizadas como especiaria
13/08/2019 Por
Mostarda é uma planta de sementes muito utilizadas como especiaria

Além de saborosa, a mostarda ainda pode trazer muitos benefícios para o organismo

Mostarda está presente nas mesas da grande maioria das redes de fast food espalhadas pelo mundo e seu sabor agrada o paladar de pessoas de todas as idades.

Mais suave, mais picante ou mais rústica, a mostarda é uma ótima opção para acompanhar vários tipos de alimentos. Além disso, ainda pode trazer benefícios para o organismo.

Mostarda

O que é mostarda?

Mostarda é uma planta da família das hortaliças, comumente utilizada para a produção de molhos. Se hoje a mostarda é amplamente conhecida como um condimento, em outros tempos a planta tinha outros usos importantes.

As sementes de mostarda eram muito utilizadas pelos antigos chineses como planta medicinal, assim como no Egito antigo, onde a planta era utilizada para tratar problemas respiratórios.

Historiadores afirmam que a planta já era utilizada na Índia por volta de 3000 a.C.

Quais são os tipos de mostarda?

A mostarda tem uma grande quantidade de tipos, mas basicamente a extração das folhas e sementes para preparação de molhos é feita com três de suas variedades:

  • Mostarda castanha: é a variedade utilizada na fabricação da famosa mostarda Dijon. Possui um sabor não tão picante, mas também não tão suave como algumas variedades da planta;
  • Mostarda branca: utilizada como base para a produção da pasta amarela, muito comum aqui no Brasil por ter um sabor suave;
  • Mostarda preta: a mais rara e de sabor mais forte e picante das sementes da planta. Muito utilizada na culinária indiana, seu país de origem.

Quais são as diferenças entre cada tipo de molho?

Com as sementes mencionadas acima, podem ser feitos os molhos de mostarda amarela, Dijon, à L’Ancienne e mostarda escura.

Mostarda amarela

Esse molho pode ser encontrado em qualquer supermercado, sendo o mais consumido em muitas partes do mundo, inclusive no Brasil. O molho amarelo de mostarda combina muito bem com tortas, carnes e sanduíches.

Uma combinação bastante interessante é o molho de mostarda e mel, que acompanha bem carnes brancas e vermelhas com um sabor agridoce.

Dijon

Essa é, sem dúvida, a primeira opção dos chefs, por sua textura cremosa e sabor leve e picante. Diferente do molho anterior, essa mostarda é mais utilizada em receitas mais requintadas.

Apesar de existirem várias marcas no mercado, trata-se de um produto com denominação de origem controlada. Ou seja, a verdadeira Dijon é aquela que é produzida na França, na cidade de Dijon.

Mostarda

À L’Ancienne

A mostarda à L’Ancienne tem características muito semelhantes às do molho Dijon, mas um detalhe muda totalmente seu sabor. Esse molho é feito com as sementes inteiras, sem qualquer tipo de processamento. As sementes são colocadas em vinagre e maceradas, até que se forme uma pasta.

Esse processo é bastante antigo, uma vez que era feito quando não havia equipamentos como processadores ou liquidificadores. Tudo isso faz com que esse molho seja mais picante do que o Dijon, mas igualmente refinado.

Mostarda escura

Conhecido também como mostarda holandesa, esse é o molho de mostarda mais picante de todos os que mencionamos até aqui.

Produzida com uma variedade de sementes mais escuras, é bom ter cautela com o seu consumo. É uma mostarda que combina muito bem com carnes vermelhas, pratos mais densos ou carne suína.

Mostarda pode trazer algum benefício para o organismo?

A mostarda é uma planta rica em nutrientes que podem ser encontrados em suas folhas, sementes ou molhos. Por isso, pode-se dizer que a mostarda traz muitos benefícios para a saúde de qualquer pessoa.

Veja a seguir os benefícios que as sementes, os molhos e suas folhas podem trazer para o seu organismo.

Sementes de mostarda

As sementes da planta são ricas em:

  • Cálcio;
  • Ferro;
  • Potássio;
  • Zinco;
  • Colina;
  • Ômega-3;
  • Antioxidantes;
  • Fibras.

Todos esses nutrientes ajudam o organismo de diversas maneiras, tais como:

  • Alívio de dores musculares;
  • Regulação da tireoide;
  • Ação anti-inflamatória;
  • Prevenção de câncer de cólon e estômago;
  • Fortalecimento do sistema imunológico;
  • Diminuição do colesterol.

Folhas de mostarda

Suas folhas são fontes ricas de:

  • Vitaminas A, C, E, do complexo B;
  • Magnésio;
  • Ferro;
  • Fósforo;
  • Cálcio.

Com a presença de todos esses nutrientes, três tipos de ações podem beneficiar o seu organismo:

  • Ação desintoxicante;
  • Ação anticolesterol;
  • Combate a osteoporose.

Mostarda

Molhos de mostarda

Como os molhos são preparados com as sementes, os benefícios para o seu organismo são os mesmos. O ideal é consumir, sempre que possível, molhos mais densos, de preferência que contenham as sementes visíveis.

O consumo de mostarda pode trazer problemas?

Assim como qualquer outro ingrediente ou substância, consumir a planta em excesso pode causar alguns problemas. Principalmente quando consumidas cruas, as sementes podem causar incômodos como a gastrite.

Se não tratada, a gastrite pode acabar evoluindo para uma úlcera, o que torna as coisas mais complicadas e demanda muito mais cuidados. Portanto, moderação é sempre bom.

Como é o cultivo da mostarda?

Essa é uma planta bem versátil no que diz respeito às condições para que ela possa se desenvolver bem.

O clima ideal para que ela cresça deve ser mais ameno, mas em regiões mais quentes a mostarda também consegue crescer com relativa facilidade. Porém, um clima muito quente pode acabar prejudicando sua produção e qualidade das sementes.

Por isso, o ideal é cultivar a planta em uma temperatura média na casa dos 27ºC.

O solo onde é feito o plantio deve ser fértil, úmido e bem drenado, com boa presença de matéria orgânica e pH acima de 6, sempre que possível.

A luminosidade também é importante para o cultivo da planta, uma vez que ela se desenvolve bem em locais com luz solar direta. Ainda assim, em locais de temperatura elevada, ela costuma se adaptar bem a sombras parciais.

A colheita das folhas acontece entre 40 e 70 dias após o plantio, enquanto as sementes podem ser colhidas de 2 a 5 meses após terem sido plantadas.

Considerações finais

Diante de tudo isso, não há como negar que a mostarda é uma planta muito versátil e rica em nutrientes que podem tornar seu organismo mais saudável, além de apresentar sabores únicos. Inclua em sua dieta e aproveite todos os benefícios!

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo