Lulo é uma fruta exótica e saborosa originária da Colômbia

Inicio » Agricultura » Lulo é uma fruta exótica e saborosa originária da Colômbia
06/12/2020 Por
Lulo é uma fruta exótica e saborosa originária da Colômbia

Introduzido recentemente no Brasil, o lulo apresenta propriedades antioxidantes. A América do Sul é extremamente rica e colorida. A enorme variedade de flores e frutas presentes na natureza podem ser nativas de países específicos, como é o caso do lulo, originário da Colômbia.

Da mesma família do tomate, o lulo as vezes até lembra um por sua aparência que varia entre tons de amarelo até avermelhados.

Lulo

O que é lulo?

O lulo é uma fruta exótica originária da Colômbia. Essa fruta, além de se lembrar um pouco um tomate – são da mesma família botânica, Solanaceae – tem sementes parecidas com a do kiwi. Porém, seu sabor lembra algo em torno de limão e abacaxi. Sua polpa é verde-clara, suculenta e um pouco ácida, e pode ser consumida in natura ou em preparos, como o suco de lulo, doces e sorvetes.

Ademais, é rica em vitaminas, como vitamina C, por exemplo, em maior quantidade que a laranja inclusive. Também tem uma quantidade maior de antioxidantes do que os níveis encontrados no abacaxi, melão, kiwi, dentre outras frutas.

O lulo ainda contém proteínas, carboidratos, fibras, cálcio, fósforo, ferro, e vitaminas do complexo B, como a tiamina (vitamina B1), riboflavina (B2), e niacina (B3), que ajudam a fornecer energia para o corpo e também auxiliam no fortalecimento do sistema imunológico.

De nome científico Solanum quitoense Lam., o lulo também é chamado de naranjilla, sendo uma espécie arbustiva de pequeno porte – até 2 metros de altura – e crescimento rápido. Contudo, gosta de solos com boa fertilidade e umidade, mas não encharcados, ou seja, com boa drenagem. Assim, pode frutificar praticamente o ano todo e se adapta inclusive em vasos.

Lulo no Brasil

Apesar de ser nativa da Colômbia, é encontrada também na Bolívia, Peru, Venezuela, Costa Rica, e mais algumas regiões da América do Sul. Porém, no Brasil, seu cultivo chegou como experimento. Foi recentemente introduzida no Brasil por um pesquisador colombiano em Londrina, no estado do Paraná, onde está se adaptando bem ao clima e ao solo.

Lulo

Lulo fruta colombiana

Essa frutífera apresenta caules lenhosos com pequenos espinhos no tronco. A fruta também é recoberta por pelinhos urticantes, mas que saem com facilidade quando friccionados. Suas flores de 5 pétalas são brancas, podendo ter tons de roxo e são perfumadas.

Nos países onde a fruta é mais comumente encontrada e popular, como na Colômbia e no Peru, o lulo é bastante utilizado na composição de sucos, sorvetes e até no mix de diferentes drinks.

Ademais, a fruticultura no Brasil é um dos setores que envolve muitas atividades da agricultura familiar por exemplo, sendo fonte de renda para muitos trabalhadores. Assim, é um setor que também gera oportunidades para pequenos e médios agricultores que vem se desenvolvendo cada vez mais.

Assim, tendo em vista a procura pela fruta em algumas capitais para o preparo de sucos e drinks, quem sabe em breve o lulo passe a fazer parte da fruticultura em algumas propriedades rurais brasileiras, agregando valor e sendo mais uma fonte de renda para o produtor.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo