Espelta é opção saudável e sua busca cresce junto ao trigo tradicional

Inicio » Agricultura » Espelta é opção saudável e sua busca cresce junto ao trigo tradicional
19/03/2019 Por
Espelta é opção saudável e sua busca cresce junto ao trigo tradicional

O trigo espelta é bastante conhecido por pessoas quem segue uma dieta balanceada e mantém  hábitos saudáveis

Rico em vitaminas e fibras, o espelta pode ser consumido de diferentes formas. Com a sua farinha é possível produzir bolos, pães e biscoitos com menor índice de glúten.

O trigo espelta é um grão bastante antigo, consumido principalmente em países ocidentais. Entretanto, vem ganhando o mundo devido a seus benefícios.

Espelta

O que é espelta?

Espelta (T. spelta) é um tipo de trigo bastante consumido na Europa. Apesar de atualmente ele não ser tão comum, o grão é fonte de alimento no ocidente desde a Idade Média. Também chamado de trigo vermelho ou trigo selvagem, há alguns anos a espécie vem sendo consumida por quem busca alimentos mais saudáveis.

O grão é uma boa opção para a agricultura, já que é mais resistente às pragas. Já em relação ao seu espaço no comércio, ele vem cada vez mais ganhando espaço nas prateleiras em forma de farinha, pão, bolachas, biscoitos e até cervejas artesanais.

Detalhes do trigo espelta

Se comparado com o trigo comum, o espelta é mais nutritivo e traz muitos benefícios para o consumo humano. Apesar de não ser muito popular no Brasil, sua procura vem crescendo devido às qualidades da espécie. Ele pode ser consumido de três maneiras.

  • Grão: excelente opção para quem busca por proteínas
  • Broto: rico em fibras, auxilia na digestão
  • Farinha: menor quantidade de glúten, pode ser uma opção para quem é intolerante

Capacidade nutricional do espelta

Embora os benefícios do trigo vermelho ainda não tenham sido 100% comprovados, o interesse pelo grão aumentou principalmente por quem está preocupado com a saúde. Confira alguns pontos positivos, então:

  • Rico em fibras
  • Possui vitaminas do complexo B
  • Minerais como cobre, magnésio, fósforo e ferro
  • Alimento de fácil digestão

Tipos de trigo

Existem diversos tipos de trigo sendo cultivados mundialmente. Porém, algumas variedades são mais comuns e têm acesso mais facilitado em comparação à outras.

  • Trigo comum: é a espécie mais cultivada e consumida no mundo, quando processado, dá origem à farinha branca.
  • Triticum monococcum: foi um dos primeiros tipos de trigo a ser cultivado. Atualmente, porém, sua utilização não é comum
  • Farro: foi graças a esta variedade que surgiu a palavra “farinha”. Da mesma forma, ele já foi bastante utilizado antigamente. Hoje, entretanto, é pouco encontrado
  • Trigo duro: uma das variedades muito comercializada
  • Kamut: cultivada em pequenas quantidade, a espécie teve origem no Oriente. Embora a sua produção relativamente baixa, é bastante comercializado.

Espelta

Benefícios do espelta

Uma das qualidades do trigo é sua capacidade de acelerar o metabolismo reduzindo, portanto, o nível de colesterol. Outro ponto positivo é que o grão auxilia no sistema imunológico, devido a vitamina B3 presente em sua composição.

Uma dica sobre o grão, então, é sua indicação para ser utilizado em barrinhas de cereais – ele tem um sabor ligeiramente mais doce e mais qualidade nutricional, com grande concentração de amido e minerais. Em uma comparação, o espelta apresenta pouca quantidade de glúten – por isso vem sendo consumido por pessoas intolerantes.

Tags: ,

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo