Os tipos de laranja populares no Brasil e cheios de benefícios para a saúde

Inicio » Agricultura » Os tipos de laranja populares no Brasil e cheios de benefícios para a saúde
17/03/2021 Por
Os tipos de laranja populares no Brasil e cheios de benefícios para a saúde

Nosso país é o maior produtor de laranja do planeta. Tudo que envolve laranja no Brasil tem números hiperbólicos. Somos o maior produtor de diversos tipos de laranja, bem como o maior exportador da fruta e do suco.

O Brasil não chega a produzir todos os tipos de laranja, mas a maioria. A oferta é vasta e isso se deve à qualidade do solo brasileiro e de seu clima tropical. A projeção de lucro para 2020 no comércio de laranja é de 2 bilhões de dólares.

  1. Características da laranja
  2. Quais são os tipos de laranja?
  3. Laranja lima
  4. Laranja vermelha
  5. Laranja pera
  6. Laranja da terra
  7. Toranja
  8. Laranja seleta
  9. Laranja barão
  10. Laranja Bahia
  11. Benefícios da laranja
  12. Quantos tipos de laranja existem no mundo?
  13. Nutrientes da laranja
  14. Produção de laranjas no Brasil

tipos de laranja

Características da laranja

Laranja é um fruto que, como você deve intuir, vem da laranjeira, mas no mundo científico pertence à família Rutaceae. Sua árvore pode chegar a até 8 metros de altura e, mesmo assim, é considerada de porte médio.

Mas a laranja e seus tipos não são produções genuínas da natureza. Ao menos precisou contar com a colaboração humana para vir a desenvolver-se. É uma fruta híbrida que foi criada ao se cruzar o pomelo com a tangerina.

A fruta é cítrica, doce, mas um pouco azeda. Seu formato é oval e a casca é alaranjada. Tem gomos na face interna.

Como o Brasil produz variados tipos de laranja e em larga escala, afinal, é o campeão de exportação dessa fruta, pensa-se que a laranja origina-se de nosso país. Mas, ao contrário, origina-se da Índia. Foi levada do país asiático pelos árabes, que acabaram propagando a fruta pelo mundo inteiro.

Quais são os tipos de laranja?

O Brasil produz a maior parte dos variados tipos de laranja. As espécies, basicamente, se dividem em dois grupos:

  • Citrus sinensis;
  • Citrus aurantium.

O primeiro engloba as laranjas doces e, o segundo, as de tipos azedos. As espécies de laranja mais famosas estão listadas a seguir.

  • Laranja lima

Uma das espécies mais famosas da fruta é a laranja lima. É uma espécie doce e considerada de baixa acidez. Por isso, é recomendada para crianças e pessoas com problemas estomacais.

Essa fruta com origem no sudeste da Ásia é considerada doce. Ela tem baixa acidez e é uma das espécies mais famosas. Assim como todas as laranjas, é rica em vitamina C. De tamanho médio a grande, tem quantidade considerável de calorias.

A laranja lima é uma fruta muito indicada para mulheres grávidas, bebês e crianças, uma vez que é pouco ácida e rica em nutrientes. O consumo, porém, é útil para todas as idades.

Isso porque a laranja lima possui antioxidantes e ação anti-inflamatória. Seu suco é uma ótima fonte de energia, sendo uma boa escolha para quem quer se hidratar. Dessa forma, essa espécie de laranja é indicada para ser consumida por quem pratica exercícios físicos, seja como suco ou mesmo em forma de fruta.

Outra característica da laranja lima é que ela é atua no combate a coágulos no sangue. Além disso, é eficiente no tratamento de problemas de estômago e para regular o intestino. Ademais, é recomendada ainda para ajudar no equilíbrio do colesterol e no aumento da imunidade.

Não bastasse seu consumo como fruta ou suco, a laranja lima tem bastante interesse na cozinha. Sua origem na Ásia se reflete na utilização para pratos típicos da Tailândia e do Vietnã. Além disso, usa-se a fruta em pratos mexicanos.

  • Laranja vermelha

É também conhecida como laranja-sanguínea ou laranja de sangue. Isso se deve ao seu interior de cor vermelha, que vem do licopeno, também presente no tomate, na goiaba e na melancia.

É o menor tipo de laranja, porém, uma das mais ricas em nutrientes. A cor avermelhada da laranja vermelha vem de um antioxidante chamado licopeno, também presente no tomate e na goiaba.

Essa fruta tem origem na Índia e também é muito comum em países do Mediterrâneo. Itália e Turquia são dois famosos produtores da laranja vermelha. Entretanto, ela é pouco conhecida dos brasileiros.

O licopeno ajuda a combater os radicais livres. Assim, a laranja vermelha é auxiliar contra doenças do coração.

A fruta também é aliada para as pessoas interessadas em perder peso. Isso porque ela ajuda a diminuir o tamanho de células gordurosas.

A variedade vermelha é a menor entre as laranjas, mas, ao mesmo tempo, uma das mais ricas em nutrientes.

O fato de possuir alfa e betacaroteno é outro diferencial. Afinal, eles são fundamentais para o corpo conseguir absorver a vitamina A. Ela, por sua vez, é importante para a bom funcionamento de olhos, boca, nariz e estômago.

tipos de laranja

  • Laranja pera

Essa espécie é, de longe, a mais importante em termos de cultivo para o Brasil. Aliás, só por aqui. Afinal, o país é um dos únicos do mundo a cultivar a laranja pera em larga escala. Ademais, no vizinho Uruguai, ela é produzida em pequenas propriedades.

Atualmente, cerca de 70% de toda produção de laranjas do Brasil é da espécie pera. E vale lembrar que o país é o maior produtor de laranjas do mundo.

Essa variedade tem tamanho médio, é pouco ácida e considerada doce. Outra característica é que possui poucas sementes. Assim, tudo isso a torna própria para o preparo de sucos, razão pela qual ganhou a preferência dos produtores brasileiros.

Seu uso é destinado para a indústria, para o consumo como fruta e ainda para exportação.

A laranja pera tem em média 30% menos calorias que outras variedades, e também é rica em nutrientes. Além da vitamina C, também tem boas quantidades de vitamina do complexo B e é rica em cálcio, potássio, sódio e fósforo.

Dentre os benefícios que o consumo de laranja pera traz, aliás, está a redução dos níveis de colesterol. Pesquisas mostram que essa espécie também reduza a quantidade de açúcar no sangue. A fruta ainda auxilia o sistema de defesa do corpo.

Além disso, a laranja pera ajuda no bom funcionamento do organismo. Ela é indicada para o alívio da prisão de ventre. Seu consumo também previne a trombose e o envelhecimento precoce.

  • Laranja da terra

Dentre as espécies de laranja mais conhecidas, a laranja da terra é menos comum para consumo como fruto. Afinal, ela é pequena e, sobretudo, amarga. Ainda assim, é muito recomendada para se fazer conservas e também para uso medicinal.

Além de ser uma ótima fonte de vitamina C, essa variedade também é rica em fibras e tem boa dose de magnésio. Por isso, traz muitos benefícios ao sistema digestório, auxiliando no bom funcionamento do intestino. Essa laranja também ajuda a diminuir dores de estômago e auxilia na digestão.

Seu uso é comum para a produção de suplemento para dietas. Isso porque a laranja da terra diminui o apetite.

Assim como outras espécies, a laranja da terra possui flavonoides. Eles ajudam, por exemplo, a limpar o organismo e auxiliam no combate a doenças do coração.

Outra vantagem é que a vitamina C presente na laranja auxilia a absorver ferro, fundamental para pessoas que sofrem de anemia. Além disso, essa espécie é aliada no combate ao estresse e à depressão.

Por ter ação anti-inflamatória, a laranja da terra também é utilizada para a fabricação de medicamentos. Ademais, em tratamentos naturais, seu uso é comum contra problemas de pele, como espinhas.

  • Toranja

Seu tamanho impressiona, sendo uma das maiores entre as laranjas. É também uma das mais ácidas.

Vale destacar, porém, que a toranja não é uma laranja “pura”. Ela é considerada uma espécie híbrida, afinal, é resultado da combinação das sementes da laranja e do pomelo, outra fruta cítrica.

Essa espécie traz muitos benefícios do ponto de vista medicinal. Isso porque ela tem ação estimulante e digestiva.

A toranja é indicada para quem sofre com problemas de falta de apetite e cansaço. Além disso, ajuda no combate à gripe, resfriado e dores de garganta.

Por ser rica em antioxidantes, ela ajuda a manter a pele saudável e melhora a saúde do coração. Também é rica em fibras e potássio.

Ela atua ainda para fortalecer o sistema de defesa do corpo e é uma boa fonte de energia para quem pratica exercícios físicos. A fruta também é uma boa opção para hidratação.

Assim, seu consumo mais comum é em forma de suco ou mesmo chás. A fruta também é bastante utilizada em receitas ou para a produção de conservas.

tipos de laranja

  • Laranja seleta

Se a variedade pera é a mais comum no Brasil, a laranja seleta é a número um no mundo. Afinal, ela é cultivada para fins comerciais em todas as regiões tropicais e semitropicais do planeta. Até mesmo em zonas de clima temperado, o seu cultivo é visto.

De fato, por se adaptar bem, ser de fácil cultivo e poder ser utilizada para vários fins, a laranja seleta tem ótimo custo benefício.

A fruta tem tamanho médio, geralmente variando entre 6 e 10 centímetros. Seu consumo ocorre tanto como fruta, quanto em forma de suco. Até mesmo a casca costuma ser utilizada, seja em receitas ou ainda para a fabricação de doces.

Além de rica em vitamina C, a laranja seleta também é boa fonte de vitamina A e de potássio.

Outro detalhe importante é que as flores dessa laranjeira produzem mais néctar do que qualquer outra. Assim, elas são utilizadas também para a produção de mel.

  • Laranja barão

Essa é uma espécie parecida com a laranja pera. Ela, contudo, tem uma diferença enorme, em especial no Brasil: é pouco cultivada. Dessa forma, é difícil de ser encontrada. Seu tamanho também é menor.

A árvore tem porte médio e costuma produzir bem. A fruta, por sua vez, tem como característica o fato de ter a casca fina e lisa. Além disso, a laranja barão tem sabor doce e acidez entre média e elevada.

Devido ao seu sabor, ela é indicada para se fazer sucos e também para produzir doces. Ademais, devido ao fato de ter polpa bem recheada e suculenta, costuma ser bem aceita para pratos de alta gastronomia.

  • Laranja Bahia

A laranja Bahia é conhecida em partes do Brasil como laranja de umbigo. Isso por causa de sua forma bem característica: ela apresenta um “umbigo” em um dos lados do fruto.

Essa laranja tem tamanho grande, casca com cor bem amarela ou laranja e polpa bastante suculenta. O sabor é ao mesmo tempo ácido e doce. Ela é muito consumida como fruta. Isso se deve, sobretudo, ao fato de os frutos quase não apresentarem sementes e por ser fácil de descascar.

Na culinária, trata-se de uma variedade muito apreciada para se fazer saladas.

As laranjeiras dessa espécie têm porte grande e produzem muito. Em geral, cada árvore rende entre 150 kg e 250 kg de laranja Bahia. Seus frutos costumam aparecer nos meses finais do outono.

tipos de laranja

Benefícios da laranja

São vários os benefícios da laranja e cada um dos tipos podem apresentar particularidades. Mas, de um modo geral, o consumidor da fruta terá como acréscimo os benefícios listados em seguida.

  • Pele mais sadia e jovem

Por ser rica em antioxidantes, os consumidores da fruta terão o processo de envelhecimento mais vagaroso. Isto é, a laranja evita o envelhecimento precoce, combatendo no organismo os radicais livres.

  • Limpeza dos rins

A laranja é ótima para promover limpeza nos rins, portanto, indicada para casos de pedra no rim. Como são ricas em ácidos cítricos, são importantes para se evitar a formação de novos cálculos.

  • Sistema imunológico mais forte

Todos os tipos de laranja são ricos em vitamina C, conhecida por fortalecer o sistema natural de defesa do corpo humano contra ações de vírus e bactérias, como os resfriados.

  • Reduz o risco de AVC

Um estudo feito por pesquisadores americanos foi promissor nesse aspecto. Ele apontou que o consumo regular de laranjas diminuiu em 19% o risco de ocorrência de Acidente Vascular Cerebral (AVC) em mulheres.

  • Diminui o risco de câncer

Alguns tipos de câncer têm menor risco de se desenvolver em pessoas que consomem laranjas de forma regular. Entre eles estão o câncer de mama, de pâncreas, de estômago e de esôfago.

  • Proteção aos olhos

Outro estudo, dessa vez feito por pesquisadores australianos, mostrou que quem consome pelo menos uma laranja ao dia tem 60% menos chances de desenvolver uma doença degenerativa que atinge os olhos.

Quantos tipos de laranja existem no mundo?

A resposta mais correta para essa pergunta, na verdade, é vaga: depende. Como assim, “depende”? Calma. Logo abaixo, vamos explicar por quê.

Ainda assim, podemos considerar que há pelo menos 700 tipos de laranjas no mundo todo, entre as espécies doces e azedas.

A fruta surgiu há 4 mil anos na região da China. Foi trazida ao Brasil pelos portugueses, logo no início do período colonial. Algumas espécies surgiram do cruzamento de outras. Há, ainda, as que passaram por melhoria genética, dentre outros.

É por isso que a resposta mais adequada sobre quantos tipos de laranja existem no mundo é “depende”. De fato, o que chamamos de forma genérica como laranja são as diferentes espécies de frutas cítricas. E, nesse caso, elas podem ser muito mais do que 700. Muito mais, mesmo.

No interior do estado de São Paulo, por exemplo, existe o Centro de Citricultura Sylvio Moreira. O local reúne mais de 1.700 espécies de frutas cítricas, entre laranjas, tangerinas e limões. Portanto, se considerarmos todos os tipos de frutas cítricas como espécie de laranjas, esse seria o número mais aproximado. E, claro, mais algumas dezenas que ainda não conhecemos com detalhes.

Nutrientes da laranja

A laranja é uma fruta rica em nutrientes, indo muito além da famosa vitamina C. Além dela, podem ser encontradas ainda a vitamina A, que auxilia no crescimento adequado e na diferenciação dos tecidos de diversos órgãos. Pelo menos três vitaminas do complexo B também estão presentes nas deliciosas e suculentas laranjas.

As vitaminas do complexo B, aliás, estão associadas a uma boa saúde mental. Elas também ajudam os nutrientes a serem melhor absorvidos, além de auxiliar o sistema digestório.

A fruta também carrega consigo proteínas, gorduras, cálcio, potássio, fósforo, sódio, enxofre e magnésio.

O magnésio, por exemplo, atua em mais de 350 reações do nosso organismo. O cálcio, por sua vez, é fundamental para a saúde de ossos e dentes. O potássio, ao mesmo tempo, é fundamental para o bom funcionamento do coração, além de auxiliar os músculos a se contraírem.


Produção de laranjas no Brasil

Como dissemos, o cultivo da laranjas no Brasil começou no início da colonização, trazido pelos portugueses. A fruta, aliás, se adaptou muito bem ao país.

Atualmente, o Brasil é o maior produtor mundial de laranjas. Os números variam, mas dados de 2020 apontam que produzimos metade de todo o suco dessa fruta no mundo. Além disso, 98% da produção de sucos é destinada para a exportação.

Quando se trata do consumo in natura, 30% de toda produção nacional de laranjas é destinada à população brasileira. Em números absolutos, isso equivale a 100 milhões de caixas de 40,8 kg.

Ao lado da banana, a laranja é a fruta mais cultivada no país. Sua produção é vista em todas as unidades da federação, chegando a mais de três mil municípios. O principal produtor, porém, é o estado de São Paulo. Quase 80% da produção nacional de laranja sai do interior paulista, em mais de 400 cidades.

Além disso, a produção dos variados tipos de laranja envolve mais de 200 mil empregos diretos e indiretos. Eles estão espalhados pelas milhares de propriedades rurais e nas indústrias.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo