Seitan é uma proteína de cereal, uma espécie de carne de glúten

Inicio » Agronegócio » Seitan é uma proteína de cereal, uma espécie de carne de glúten
10/11/2020 Por
Seitan é uma proteína de cereal, uma espécie de carne de glúten

Seitan é derivado do glúten, embora ainda não se sabe exatamente o seu local de origem. No entanto, é uma ótima opção para quem procura evitar o consumo da carne e procura algo de maior naturalidade, mesmo que seja derivado da proteína de trigo.

Dessa forma, o seitan tem sido uma alternativa para vegetarianos, já que é fácil de preparar e não consome muitos ingredientes. Mesmo sendo conhecido no Brasil, esse tipo está adquirindo a devida popularidade somente agora.

Seitan

O que é seitan?

Seitan é um alimento derivado do glúten. Conhecido também como seitã, é um alimento muito antigo, assim como o tofu. No entanto, não se sabe ao certo qual foi o seu local de origem, por isso muitas pessoas deduzem que tenha sido a China ou a Índia.

O seitan é uma espécie de carne muito conhecida por vegetarianos que são adeptos há muitos anos dessa prática. No entanto, ainda há uma grande quantidade de pessoas que não sabe da existência desse produto.

Hoje em dia, o seitan já está começando a ser vendido em lojas de produtos naturais. Com isso, sua popularidade está atingindo a grande massa e fazendo a diferença na vida de pessoas que procuram uma alternativa que não tenha origem animal.

Porém, como é derivado da proteína de trigo, o glúten, o Seitan não é o alimento mais indicado para celíacos e demais indivíduos que possuam alguma intolerância e sensibilidade a esse componente. Uma das maiores vantagens do seitan, é que ele é tão saboroso quanto a carne e muito versátil.

Isso tudo faz com que não haja grande estranheza na hora de consumi-lo, já que é um alimento democrático e que pode ser servido com arroz, massa, salada, feijão, etc. Afinal, assim como a carne tradicional, ele serve como um ótimo acompanhamento.

Seitan, tofu e tempeh

Mesmo entendendo o que é seitan, ainda existe confusão entre ele, o tofu e o tempeh. Seitan, tofu e tempeh são todos alimentos que podem ser utilizados no lugar da carne animal. Os três são deliciosos e podem ser usados como uma alternativa saudável para compor a dieta e um prato especial.

O tofu é conhecido também como queijo de soja, macio e feito de leite de soja coagulado e condensado em bloco. No entanto, cru ele não tem o mesmo sabor. Por conta disso, possui uma textura que absorve com facilidade todos os sabores de ingredientes colocados a ele.

O alho, a cebola, pimenta, sal e demais especiarias, são ótimas para temperar o tofu. Porém, é preciso ter cuidado, já que ele é uma espécie de esponja e os temperos podem fazer com que ele fique com um gosto acentuado demais. No mais, o tofu é um alimento tradicional há mais de 2 mil anos em países asiáticos.

Já o seitan, como dito anteriormente, é também um ótimo substituto da carne. Ele é o resultado da massa de trigo enxaguada e cozida. Além desses dois alimentos, o tempeh é um alimento indonésio e feito por meio da fermentação da soja em folhas de bananeira.

Ele é tido como um dos principais substitutos da carne desde o século XII. Além disso, contém mais proteínas e fibras do que o tofu, já que cada xícara pode chegar a 31 gramas de proteína. O sabor desse alimento é um de seus maiores atrativos, já que possui um gosto muito semelhante às nozes.

Hoje em dia, o tempeh pode ser encontrado pronto em lojas de produtos naturais. Tanto o tofu, quanto o seitan e o tempeh, podem ser utilizados para diversas receitas deliciosas.

Seitan

Como fazer seitan?

Aprender a fazer essa receita pode ser uma ótima alternativa para evitar gastos com a carne tradicional e entrar em um estilo de vida mais natural. Além disso, a receita de seitan também é uma ótima forma de não precisar comprar o seitan para consumi-lo.

Para dar início ao seitan, será necessário separar alguns ingredientes:

  • 4 xícaras de farinha de trigo;
  • 1 e ½ xícara de água;
  • Água para lavá-lo.

Em uma tigela deve-se colocar somente a água e a farinha, que deve ser de trigo. Logo, é preciso sovar essa mistura por 10m. Em seguida, é só fazer uma espécie de bolinha, como se fosse assar um pão, e colocar em uma vasilha com água.

Deixe a massa ali por algumas horas, preferencialmente oito horas. Depois coloque-a em um escorredor sobre uma bacia e lave a mistura. Em seguida, deixe-o em um escorredor por até meia hora antes de iniciar a sua forma preferida de como preparar seitan.

Receitas com seitan

As receitas com o alimento são as mais diversificadas, já que a carne de glúten serve como um ótimo acompanhamento para uma grande quantidade de pratos. Os pratos com seitan também serve como uma ótima forma de introduzir o vegetarianismo.

Seitan

Seitan ao molho madeira

Após ter realizado o preparo do seitan, coloque em uma panela o óleo e refogue o alho e uma cebola até ficarem dourados. Em seguida, pode-se adicionar um pouco de gengibre picado ou em pó, tomate em molho, shoyu, água e folha de louro.

Quando a água ferver, basta colocar o seitan, jogar um pouco do caldo sobre ele e deixar por 20 minutos cozinhando. Após ter feito isso, coloque-o, com o caldo, em uma vasilha, tampe e deixe marinando por 8 horas.

Após o tempo de preparo, retire-o do molho e corte em pedaços. Em uma frigideira, coloque duas colheres de óleo comum ou óleo de coco sem sabor, frite os pedaços até que fiquem dourados e organize-o em uma travessa para ir ao forno.

Para fazer o molho madeira, coe-o e coloque e uma panela. Coloque vinho, champignon e amido de milho. Deixe ferver e jogue sobre o seitan e leve-o para assar a 240 °C por meia hora. Na metade do tempo, regue mais uma vez o seitan com o molho e deixe terminar de assar.

Para essa receita, um dos melhores acompanhamentos é a batata palha e o arroz branco com salada. Dessa forma, o seitan fica com um sabor acentuado e muito próximo da carne normal.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo