Pão é um dos alimentos mais antigos e versáteis do mundo

Inicio » Agronegócio » Pão é um dos alimentos mais antigos e versáteis do mundo
03/10/2020 Por
Pão é um dos alimentos mais antigos e versáteis do mundo

Com história rica em todo o planeta, pão é fundamental para economia brasileira. Presente na rotina de pessoas espalhadas por todo o planeta, o pão é um dos alimentos mais importantes em toda a história da humanidade. Por ser um dos primeiros identificados em todo o mundo, há uma série de teorias sobre como foram as primeiras produções. Os estudiosos afirmam que o item tenha mais de 12 mil anos e tenha começado a fazer sucesso na Mesopotâmia.

Mundialmente famoso por ser produzido com trigo, o pão começou a ser baseado com frutos de carvalho e farinha misturada. Os primeiros formatos eram mais duros, secos, achatados e contavam com um sabor mais amargo. Porém, a passagem dos séculos fez com que o alimento se tornasse extremamente prático no preparo, na comercialização e, principalmente, na variedade.

Pão

O que é pão?

Pão é um alimento elaborado com farinha de trigo, água e sal. Essa mistura gera uma massa extremamente consistente, que permite o trabalho com várias formas diferentes. Hoje em dia, esta receita também passa por uma série de transformações, podendo ser acrescentados outros tipos de cereais, açúcar e outros elementos. Os adicionais também tão extremamente variados.

Especiarias e gorduras são, normalmente, acrescentadas em receitas de pães especiais. Outros ingredientes comuns são carnes, frutas cristalizadas, frutas secas, chocolates, recheios e muitos outros. Outros elementos também podem ser acrescentados para que o alimento apresente sabor, textura, maior validade, cor viva e outros aspectos nutritivos.

Já em formatos muito parecidos com os que consumimos hoje em dia, os pães faziam muito sucesso entre as civilizações mais antigas. Há indícios de que o alimento já era amplamente consumido na Grécia Antiga, em Jerusalém e no Império Romano, tendo grande importância em todos estes locais e períodos. Estes Governos tinham o interesse em ampliar a produção, além de capacitar profissionais para tal atividade.

Pão na economia brasileira

Ainda como grande agente na economia mundial, o alimento também traz uma participação muito importante no cenário brasileiro. O setor de panificadoras é o segundo com maior movimentação no país, ficando atrás apenas das grandes redes de supermercados. Em valores, é possível afirmar que o setor movimenta cerca de R$ 85 bilhões em todo o Brasil.

A estimativa foi realizada pela ABIP, Associação Brasileira da Indústria da Panificação, no ano de 2015. Esta mesma pesquisa aponta que a diversidade é grande, pois ao mesmo tempo em que gigantes do setor conseguem faturar até R$ 1 milhão mensalmente, empresas menores e presentes em pequenos centros precisam inovar, sempre apresentando produtos diferentes e investindo na qualidade para continuar mantendo boas vendas.

Além disso, outro dado interessante é que uma padaria de bairro que mantém uma boa movimentação durante todos os dias da semana pode faturar até R$ 9 mil por funcionário. Desta forma, o modelo de negócio se mostra compensador de acordo com o número de pessoas que emprega. Com um atendimento mais rápido, o cliente costuma retornar sempre que possível. Nesta ótica, a venda de pães pode se tornar um segmento interessante.

Pão

Variedades do pão

Por se tratar de um alimento extremamente prático e que pode se adequar a variadas refeições, o pão assumiu uma série de formatos diferentes. Sejam integrais ou com grãos, quentes ou frios, eles podem atender qualquer demanda de maneira eficiente e saborosa.  Assim, todas as preocupações do público passaram a ser amplamente atendidas, como a preocupação com calorias, glúten e uma infinidade de outras questões.

Por isso há uma infinidade de pães comercializados em todo o mundo. É praticamente impossível provar todos, mas é comum encontrar informações detalhadas sobre os mais vendidos, incluindo características e dados nutricionais. O seu paladar é que vai definir quais serão as opções favoritas para o seu dia a dia.

Pão francês

Também conhecido como pão branco ou pão de sal, o pão francês é um dos grandes ícones deste segmento. Ele é famoso por contar com um miolo revestido, apresentando uma casca fina e crocante. Este é o formato mais consumido no Brasil, principalmente na elaboração do café da manhã. Conta com sal, açúcar, gordura vegetal, água e farinha de trigo na composição.

Pão de forma

Outro formato extremamente famoso no Brasil, o pão de forma se destaca por ser um alimento de textura mais macia. A presença da casca é opcional, mas também traz outro sabor ao alimento. Ele também é normalmente aplicado na preparação de sanduíches dos mais diversos recheios, bem como torradas. A composição conta com açúcar, sal, ovos e farinha de trigo.

Pão integral

Em um formato parecido com o de forma, o pão integral também é excelente para compor lanches. Porém, a composição deste alimento é muito mais saudável, trazendo riqueza em fibras na composição. Isso faz com que o corpo se sinta satisfeito por mais tempo, evitando exageros na alimentação. Na composição, também é possível notar a presença da farinha integral.

Pão

Pão de queijo

Famoso principalmente no estado de Minas Gerais, o pão de queijo já se tornou amplamente conhecido em toda a América do Sul. A receita se tornou um sucesso em nossos países vizinhos por conta do sabor inconfundível. Entre os ingredientes, confere-se a presença de leite, queijo, ovos, sal, óleo, polvilho azedo e polvilho doce.

Pão italiano

Caracterizado por uma casca mais dura em comparação com o pão francês, o pão italiano apresenta um aspecto um pouco mais alongado, parecido com o da baguete. A principal diferença aparece no preparo, pois o processo de fermentação do italiano é um pouco mais longo. Dessa forma, ele acaba ficando mais consistente. Além de fermento natural, adiciona-se sal, açúcar, iogurte, água e farinha de trigo.

Pão sírio

Absolutamente marcante na cultura árabe, o também conhecido como “pão pita” chama a atenção por ter um formato arredondado. A massa é um pouco mais leve e fina, o que traz um sabor totalmente diferente. A quantidade de gordura também é muito reduzida em relação ao pão francês. Os nativos da região costumam comer este alimento com as mãos. Basta reunir água, sal, açúcar, óleo e farinha de trigo.

Outras importantes variedades de pão não foram citadas, como bisnaguinha, pão de centeio, pão preto, de coco, de milho, de leite, de batata, croissant, pão de aveia, pão australiano e muitas outras.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo