Dedaleira é planta medicinal de propriedades altamente tóxicas

Home » Meio Ambiente » Dedaleira é planta medicinal de propriedades altamente tóxicas
30/10/2019 by
Dedaleira é planta medicinal de propriedades altamente tóxicas

Dedaleira é planta que pode ajudar no tratamento de doenças cardíacas, mas deve ser administrada com cautela

A dedaleira é uma planta que leva esse nome por lembrar o formato de um dedal, cultivada nos climas mediterrâneo, temperado e subtropical. Ela possui lindas flores, frequentemente usadas para ornamentar jardins e canteiros.

Ela é considerada, ainda, uma planta medicinal, mas é preciso muita cautela ao lidar com a dedaleira. Isso porque este vegetal é bastante tóxico, e a sua administração feita de maneira errada ou exagerada pode levar a morte no lugar de auxiliar.

Dedaleira

O que é dedaleira?

A dedaleira, cujo nome científico é Digitalis purpurea, se trata de uma erva lenhosa originária da Europa. Essa planta pertence a família das Scrophulariacea.

Conforme citado na abertura do artigo, ela é assim chamada por possuir um formato que lembra o dedal; aquele instrumento utilizado durante a costura a fim de proteger os dedos das costureiras.

Características da dedaleira

A digitalis purpurea é uma herbácea que vive por cerca de dois anos e o seu caule caule é liso, ereto e lenhoso (ou
semi-lenhoso). Essa espécie vegetal tem porte mediano e a sua altura geralmente varia entre 90 centímetros e 1,20 metros.

Suas folhas são bastante rugosas e lembram o formato de roseta. Além disso, possuem pequenas elevações de tonalidade mais clara em seu interior.

A flor dedaleira pode se apresentar em três cores principais – branca, rosa e roxa – podendo, ainda, contar com pintas mais escuras na parte de dentro.

A espécie floresce, principalmente, entre as estações de primavera e verão. Quando suas flores murcham, a planta pode ser cortada a fim de reiniciar seu ciclo.

Dedaleira

Como plantar dedaleira?

A dedaleira é uma planta com ciclo de vida pequeno. Isso porque ele é bienal, ou seja, vive por um período de, no máximo, dois anos. Sendo assim, para que se desenvolva bem, é preciso ter alguns cuidados em relação ao seu manejo.

O primeiro passo para o desenvolvimento da árvore dedaleira é deixá-la exposta a luz solar ou, ainda, a meia sombra. O solo ideal para o seu cultivo é fértil e enriquecido com matéria orgânica.

Quanto ao clima, ela se adapta melhor em condições amenas e, por isso, é indicado para locais de clima mediterrâneo, temperado ou subtropical.

O uso medicinal da dedaleira

A planta é ainda conhecida por suas propriedades medicinais. Isso porque contém uma substância denominada digitalina em sua composição.

A digitalina é uma substância extraída de suas folhas ou de suas flores, e é destinada ao tratamento de cardiopatias como, por exemplo, insuficiência cardíaca e até mesmo casos de arritmia.

Dedaleira

Mas apesar de ser uma planta medicinal, ela pode ser altamente tóxica quando mal administrada. Quando utilizada em altas doses ou ministrada para quem não precisa de seus efeitos, o vegetal se torna letal.

Uma curiosidade a respeito da dedaleira é que se alguma pessoa morrer em decorrência da sua toxicidade, o diagnóstico será complicado, uma vez que ela não deixa rastros no organismo. Portanto, vale ressaltar que a planta só deve ser administrada sob supervisão médica.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo