Umburana é árvore nativa da Caatinga brasileira

Inicio » Meio Ambiente » Umburana é árvore nativa da Caatinga brasileira
08/04/2021 Por
Umburana é árvore nativa da Caatinga brasileira

O Brasil é um país cheio de riquezas naturais e isso nós sabemos bem, a começar pela diversidade presente em nossa flora. São mais de 56 mil espécies nativas de plantas, de acordo com o Instituto Brasileiro de Florestas (IBF). Este artigo vai tratar sobre as características de uma árvore nativa chamada de Umburana.

Antes de mais nada, é possível que você conheça essa árvore por outros nomes. Afinal, ela também é chamada de amburana, umburana de cheiro, imburana, cumaru e até cerejeira. São diversas denominações para falar dessa espécie nativa do sertão nordestino.

O que é umburana?

A Amburana cearensis é uma árvore bastante utilizada em perfumaria e marcenaria. Existem árvores dessa espécie também na Argentina e Peru. No entanto, sua presença forte está na Floresta Amazônica brasileira.

Por ser nativa da Caatinga, suas características estão relacionadas à resistência de ambientes secos. Sua florada aparece entre abril e junho, tendo produção de frutos iniciada no mês de agosto.

De acordo com o IBF, a amburana é uma árvore comumente utilizada para paisagismo, arborização em regiões urbanas, preservação ambiental e plantios domésticos. A espécie também atua em reflorestamentos de áreas que sofreram degradação por ações humanas ou até ações do tempo e da natureza.

Pra que serve a umburana?

A umburana, sobretudo, faz parte das espécies nativas e isso é bastante importante. A preservação de árvores nativas colabora para a manutenção do ecossistema, qualidade da água e solo da região, além de preservar a flora e suas características.

Depois disso, artesãos utilizam a umburana para fazer esculturas com a madeira na árvore. O tronco dessa espécie é de fácil manuseio, facilitando o trabalho artesanal. Por esse motivo, diversos deles fazem o cultivo da árvore, visando diminuir os riscos de extinção da espécie.

Entretanto, o uso da planta também se dá pela medicina popular. O chá de umburana combate doenças respiratórias, especificamente da casca da árvore. Além disso, o conhecimento popular indica que propriedades da umburana ajudam na melhora de sintomas de problemas como febre, gripe, tosse e resfriados.

Apesar disso, estudos indicam que o uso excessivo da casca de umburana pode levar substâncias tóxicas para o organismo.

umbuarana

Como plantar umburana?

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, faz orientações com relação ao plantio da árvore, visando retirar a espécie de risco de extinção. Antes de mais nada, é possível fazer a extração de sementes da árvore, selecionando as que apresentam boas condições e armazenando em sacos de papel. O armazenamento deve ser feito em temperatura ambiente, até o momento de semear.

Uma opção de plantio é feita em tubetes de polipropileno rígido ou em sacos do mesmo material. Após isso, o produtor deve escolher o substrato. A orientação da Embrapa é utilizar um substrato de textura arenosa como pinus carbonizados, areia e solo.

Essa estrutura para cada semente deve ficar reservada em ambiente suspenso por dois meses, fazendo a irrigação todos os dias. O próximo passo é a transferência para o que a empresa chama de pleno sol. Ou seja, uma etapa que tem o objetivo de promover a adaptação da planta às condições existentes no campo.

Após 90 dias, as mudas de umburanas estão prontas para a inserção no campo de forma definitiva.

Curiosidade: existe diferença entre amburana e umburana?

Essa pergunta é frequente, apesar de estarmos falando da mesma árvore. A amburana e umburana são a mesma planta, apenas chamada de diferentes maneiras.

Aliás, é bastante comum que as plantas tenham nomes distintos em regiões diferentes. Além dos nomes já mencionados no início do texto, a umburana também é conhecida como camaru-das-caatingas, cumaru-de-cheiro e cerejeira rajada.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo