Angico é família de árvores conhecida por suas aplicações medicinais

Inicio » Meio Ambiente » Angico é família de árvores conhecida por suas aplicações medicinais
28/06/2019 Por
Angico é família de árvores conhecida por suas aplicações medicinais

Diversas árvores podem ser chamadas de angico, elas possuem beleza ornamental e funcionalidade na construção civil

O angico é muito conhecido por suas propriedades na medicina popular. Ela pode ser consumida através de chás, xaropes e gomas.

Além de sua beleza, o angico também é utilizado na construção civil e naval. Sua madeira é bastante versátil, assim como o restante da planta.

angico

O que é angico?

Angico, na verdade, é o nome comum para um tipo de planta que contempla diversos tipos de árvores. Assim, angico são as espécies que fazem parte da família das Mimosoideae. As plantas são nativas da América, portanto, muitas espécies também são consideradas brasileiras.

A árvore é explorada devido à qualidade de sua madeira. Contudo, muitas pessoas a conhecem em razão das propriedades medicinais do angico. O seu fruto possui uma casca de gosto amargo e é utilizado no combate de algumas doenças, como agindo assim como gonorreia.

Quais os tipos de angico que existem?

Diversas plantas fazem parte desta listagem e, assim, cada uma delas pode apresentar diferentes benefícios para a saúde. Os principais tipos de angico, são:

  • Angico branco: é uma árvore que oferece madeira para a construção civil, assim como lenha e carvão. A casca é utilizada na medicina popular.
  • Angico do cerrado: é conhecido ainda como arapiraca ou pau-de-boaz. É nativa da região do cerrado e utilizado principalmente de forma ornamental.
  • Angico vermelho: também chamado de curapaí, sua madeira também é utilizada na construção civil, assim como na naval. Sua casca é utilizada na produção de couros, através do tratamento das peles. Pode ser utilizada de forma ornamental, assim como de maneira medicinal.

angico

De que forma a árvore é utilizada para a saúde?

Os produtos extraídos da planta têm capacidade para agir de diferentes maneiras no corpo. Assim, para fins medicinais, são extraídas as propriedades da planta e seus princípios ativos.

As partes mais utilizadas da árvore são a casca e a goma. Ambas, então, podem ser utilizadas através de chás, infusões, na produção de xaropes ou ainda óleo de angico.

A substância, portanto, pode auxiliar no tratamento de alguns problemas, como:

  1. Tosse: pode ser tratada através da goma da planta, assim como gripes e outros problemas respiratórios
  2. Doenças sexuais: é tratada com o auxílio de banhos de assento
  3. Problemas no útero
  4. Batidas e contusões
  5. Reumatismo: tratado com a tintura, produzida com a casca da planta
  6. Diarreia: geralmente é tratada com o xarope

angico

Saiba como preparar o chá da planta

O preparo do chá é bastante simples, basta possuir os ingredientes e ter água quente à disposição. Saiba, então, como preparar a bebida.

Os ingredientes necessários são casca de angico, água, açúcar ou mel. Assim, para produzir o chá é necessário ferver a água junto com as cascas. O processo de fervura leva em torno de cinco minutos.

Após, é preciso retirar a bebida do fogo e aguardar alguns minutos, com o recipiente abafado. O último passo, então, é coar a mistura e adoçar (com mel ou açúcar). O chá de angico está pronto para ser consumido.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo